Deputada Angela Portella de Roraima reforça parceria entre as Casas Legislativas

Com o objetivo de reforçar o acordo de cooperação técnica que acontece, há 10 anos, entre a Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) e a Assembleia Legislativa de Roraima (Ale-RR), a deputada estadual Angela Águida Portella (PP), esteve na Aleam, onde visitou a Escola do Legislativo Senador José Lindoso e a seguir foi recebida pelo presidente da Casa Legislativa amazonense, deputado Roberto Cidade (PV).
O chefe do legislativo amazonense salientou a importância da visita e disse que a Casa está aberta ao Parlamento vizinho. Ele destacou que a deputada Angela trouxe novas ideias e a Aleam está retribuindo com outras propostas de projetos.

Cidade citou que uma das propostas é a criação do Centro de Mídias que a deputada quer implementar em Roraima. “Essa troca de aprendizados entre os dois parlamentos é importante e reforça o sucesso da cooperação técnica que já existe entre as duas Casas Legislativas”, ressaltou.

Para a deputada Angela Águida Portella, como os dois Estados são co-irmãos e apresentam realidades parecidas, a ideia é aproveitar o que existe de melhor nas duas Casas para fazer intercâmbios e reforçar a parceria. “Como estamos com presidentes novos, tanto em Roraima como no Amazonas, é importante reforçar o trabalho de proximidade”, enfatizou.

Seguindo na mesma linha, a diretora da Escola do Legislativo Senador José Lindoso, Geanne Valente, avaliou que a agenda serviu para reforçar a parceria com o Parlamento do Estado vizinho e mostrar projetos da Casa amazonense.

Citou que foram mostrados: o lançamento da escola virtual; o trabalho multidisciplinar das emoções com os servidores e a Semana da Saúde, onde foi trabalhado o corpo e a mente dos servidores. “Serão levados alguns dos nossos projetos à Roraima, assim como outros serão trazidos de lá”, disse.

Para a deputada professora Therezinha Ruiz (PSDB) é importante que a parceria entre os dois Estados continue e enfatizou que o projeto do Parlamento Jovem, referência nacional, que saiu do Amazonas, está repercutindo em Roraima.

O deputado Felipe Souza (Patriota) avaliou que a troca de informações entre o Amazonas e Roraima fortalece o parlamento fazendo com que as Casas possam desenvolver políticas públicas que beneficiem a população.

Adjuto Afonso destaca anistia que beneficia micro e pequenas empresas 

Foto: Ney Xavier

Em pronunciamento na Assembleia Legislativa  o deputado Adjuto Afonso (PDT), repercutiu iniciativas do Governo Federal e Estadual, que podem amenizar os prejuízos de micro e pequenos empreendedores, causados pela pandemia de Covid-19. O parlamentar avalia que é um momento de ações estratégicas para retomar a economia no país.

Em âmbito Federal, o Governo criou um grupo de trabalho para avaliar a anulação de tributos sobre micro e pequenas empresas e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) vai operar com a Frente Parlamentar Mista da Micro e Pequena Empresa, analisando os setores mais críticos que precisam do perdão de dívidas.

“Os empresários querem de cinco a seis meses de perdão, e eu acho isso muito importante porque esses pequenos, micros e médios são justamente os que geram emprego e estão segurando emprego nesse país. Quando o governo abre mãos desses impostos, que não são muitos, certamente dá uma sobrevida para que esse micro e pequeno empresário continue atuando”, disse o deputado.

O parlamentar reiterou, ainda, que vai colocar a Frente Parlamentar de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Amazonas (Frempeei-AM), da qual é presidente, à disposição para auxiliar o Sebrae na identificação dos micros e pequenos empresários do Estado, que possam fazer parte desse processo.

No Amazonas, a Agência de Fomento do Estado do Amazonas (Afeam), deu andamento à anistia dos produtores rurais, micro e pequenos empresários, além de profissionais autônomos de baixa renda, que estão impossibilitados de pagar financiamentos.

“Não só o crédito emergencial que o governo está concedendo, como também a anistia que essa Casa aprovou, recentemente, em projeto do qual fui o relator, para aquelas pessoas que foram prejudicadas pela cheia. Nós viajamos para as Calhas do Juruá e Purus, acompanhando o governador do Estado, e constatamos a entrega da carta que anistia os pequenos empresários. E, esse crédito emergencial tem sido o grande reforço para essas pessoas. Ao serem anistiados podem ter seu crédito restabelecido”, disse o deputado.

Foto/Destaque: Evandro Seixas

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email