Crise eleva expectativa com teste de estresse dos bancos

O momento não poderia ser pior: a divulgação dos testes de estresse dos bancos amanhã coincide com o agravamento da crise na Zona do Euro. A turbulência atual aumenta a expectativa sobre os resultados e qualquer decepção pode ser motivo para nervosismo nos mercados.
Não fosse a gravidade da situação europeia, os testes atrairiam audiência bem menor. Até porque caíram em descrédito no ano passado, depois das conclusões exageradamente otimistas que ficaram longe de gerar a aguardada faxina no sistema financeiro. Entretanto, diante do ambiente tumultuado, as avaliações agora ganham importância. Na sexta-feira, a ansiedade estará garantida porque também deve ocorrer reunião de emergência da União Europeia para tentar estancar a turbulência.
“Sem dúvida é uma questão e colocará pressão sobre os balanços dos bancos num momento em que eles não estão muito fortes”, disse o estrategista do Lloyds Bank, Charles Diebel. Para ele, os resultados podem ser mais um motivo para a intensificação da crise europeia. Como aponta Tom Levinson, estrategista de câmbio do ING, são “testes de estresse em tempos de estresse”.

Credibilidade em questão

A situação acaba numa encruzilhada. Se as instituições forem muito mal, os investidores tendem a reagir negativamente. Mas, se poucos problemas forem detectados, a credibilidade da metodologia voltará a ser questionada. Sabe-se que há bancos frágeis no sistema.
Além da atenção à metodologia, prevalecem as dúvidas sobre a habilidade dos governos de capitalizarem os bancos. Quem não passar no teste precisará receber injeção de capital para se adequar, movimento que tem ficado a cargo dos governos.
Entretanto, o atual ambiente político e financeiro não favorece as operações. Segundo a Dow Jones, as autoridades europeias estão preocupadas com o fato de que muitos países precisarão tomar recursos para capitalizar os bancos num momento de fragilidade no mercado de dívidas. O contágio da crise pressiona os juros dos títulos da periferia e até da Itália.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email