Crescimento do PIB no 1º trimestre é revisado para cima

A economia dos EUA teve expansão um pouco maior do que a calculada inicialmente no primeiro trimestre deste ano, segundo dados revisados do Departamento do Comércio.
O PIB (Produto Interno Bruto) do país cresceu à taxa anual ajustada pela inflação de 1,9% nos três primeiros meses do ano, em vez de 1,8% como estimado antes. Ainda assim, o avanço foi bem menor do que o de 3,1% registrado no quarto trimestre de 2010.
O resultado também ficou abaixo da previsão dos economistas ouvidos pela Dow Jones, que esperavam que o PIB do primeiro trimestre fosse revisado para alta de 2,0%.
Para o segundo trimestre deste ano, as estimativas são de crescimento similarmente fraco enquanto os consumidores norte-americanos continuarem gastando cautelosamente e as empresas continuarem contratando pouco. As informações são da Dow Jones.

Bens duráveis

As encomendas de bens duráveis nos EUA subiram
1,9% em maio, para o nível sazonalmente ajustado de US$ 195,57 bilhões, informou o Departamento do Comércio. Economistas ouvidos pela Dow Jones previam alta de 1,6% das encomendas. Em abril, as encomendas caíram 2,7%.
Grande parte do aumento reflete encomendas do setor de transportes. Excluindo transportes, as encomendas avançaram 0,6% em maio, após queda de 0,4% em abril.
Os limites impostos às indústrias pelo efeito do terremoto no Japão na cadeia de suprimentos e da alta do preço do petróleo foram contrabalançados, em certo grau, por uma nova legislação fiscal que permite às companhias deduzirem 100% do imposto que incide sobre os lucros de certos tipos de investimento em 2011.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email