Cresce número de viagens internacionais

Redução das taxas cambiais somadas a melhores condições ofertadas por empresas aéreas chamaram a atenção dos amazonenses no último mês. Como resultado, a Abav-AM (Associação Brasileira das Agências de Viagens do Amazonas) registrou crescimento estimado em 10% nas vendas de passagens aéreas no mês de julho até este mês, em comparação a igual período de 2015, com maior demanda aos destinos internacionais. Conforme a associação, um acordo entre as agências de viagens e as companhias aéreas deverá impulsionar ainda mais a demanda por viagens turísticas tanto aos destinos estrangeiros como aos nacionais.
De acordo com a diretora de emissivo da Abav-AM e proprietária da Paradise Turismo, Cláudia Mendonça, o período de definições políticas, que influencia diretamente na economia do país, também contribui com a indecisão do consumidor quanto aos investimentos em compras de passagens ou pacotes turísticos. Ela afirma que mesmo em meio ao cenário nacional turbulento, nos últimos meses, houve um equilíbrio nas comercializações dos bilhetes. Os empresários do setor acreditam em melhores resultados a partir do próximo mês.
Cláudia adianta que após o período do feriado alusivo à semana da pátria as agências de viagens anunciarão ofertas que deverão impulsionar as vendas.
“Acredito que teremos uma outra realidade a partir do dia 10 de setembro. Conseguimos fechar acordos junto às empresas aéreas, os quais considero interessantes. Vamos lançar pacotes e isso deverá incentivar a população a investir em viagens”, anunciou.
Os destinos estrangeiros mais procurados nos últimos meses foram Miami (EUA) e Caribe. Enquanto os destinos nacionais se concentraram em Fortaleza (CE), Belém (PA) e Rio de Janeiro.
A gerente de operações da agência Amazon Explorers, Rejane Dias, afirma que houve um crescimento na demanda por emissões de bilhetes aéreos no período de julho a agosto deste ano, em relação a igual período de 2015. Ela cita que entre os lugares mais procurados estão Miami e Caribe. No solo brasileiro os turistas buscam conhecer São Paulo, Rio de Janeiro e Fortaleza.
“A menor taxa cambial trouxe tarifas promocionais lançadas pelas próprias empresas aéreas. Houve maior movimentação de clientes que adquiriram bilhetes com datas antecedentes ao feriado da pátria”, disse.
Na avaliação da proprietária da franquia da CVC no Amazonas, Isabel Távora, os números dos últimos meses relacionados ao volume de vendas de bilhetes não superam os índices obtidos no mesmo período de 2015. Porém, ela concorda que nas últimas semanas houve uma leve melhora no volume de vendas. “Temos que concordar que hoje o cenário está melhor em relação a dois ou três meses atrás. O câmbio está baixo, o que incentiva o cliente a optar por destinos internacionais”, disse.
Entre os destinos mais demandados na loja estão: Miami e Orlando, na Flórida (EUA), Curacao, no Caribe. A empresária ressalta que no destino nacional houve uma mudança na preferência do consumidor que trocou Fortaleza (CE) por outras capitais do Nordeste como Maceió (AL), Natal (RN), Salvador (BA), Recife (PE) e Gramado (RS).

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email