19 de abril de 2021

Contas públicas registram segundo deficit do ano

O governo central registrou em março o segundo deficit do ano e o pior resultado para o mês desde 1997

O governo central registrou em março o segundo deficit do ano e o pior resultado para o mês desde 1997. O resultado das contas do Tesouro, da Previdência e do Banco Central ficou negativo em R$ 4,6 bilhões, de acordo com os dados do Tesouro Nacional divulgados ontem.
No acumulado do trimestre, as contas tiveram deficit de R$ 8,2 bilhões. O valor equivale a 1,02% do PIB (Produto Interno Bruto) e é R$ 1,3 bilhão menor do que o valor registrado no mesmo período de 2009.
O resultado negativo em março já havia sido adiantado por técnicos do Tesouro, que previam grande volume de precatórios para o mês. As despesas com precatórios chegaram a R$ 6,8 bilhões no período.
O primeiro deficit do ano foi registrado em março, quando as contas fecharam negativas em R$ 1,1 bilhão. Na época, o secretário do Tesouro Nacional, Arno Augustin, avaliou o resultado como normal para o mês.
Os dois resultados negativos reduziram o bom desempenho das contas no começo do ano. O superavit em janeiro chegou a R$ 13,9 bilhões. A redução de fevereiro e março afasta o número da meta de R$ 18 bilhões, estipulada pelo governo para as contas no quadrimestre.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email