Conab do Amazonas compra 260 toneladas de produtos

Somente no mês de março, e com investimentos na ordem de R$ 223 mil, a regional Amazonas da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), regional do Amazonas, comprou diretamente de associações, cooperativas e colônias cerca de 260 toneladas de alimentos regionais. A ação envolveu 17 municípios, 22 grupos formais e 31 itens da produção familiar.
A intervenção da Conab é viabilizada por meio do PAA (Programa de Aquisição de Alimentos) que é um mecanismo da estratégia Fome Zero que permite ao governo federal comprar produtos alimentícios da agricultura familiar, extrativismo e pesca artesanal de maneira rápida e descomplicada. Os alimentos adquiridos no Amazonas, segundo o superintendente regional, Thomaz Silva, estão sendo doados às populações amparadas por programas sociais governamentais e não governamentais.
O PAA é um programa interministerial, sendo operacionalizado com recursos orçamentários do MDS (Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome) e do MDA (Ministério do Desenvolvimento Agrário).
O instrumento de apoio à comercialização utilizado na aquisição das 260 toneladas é o denominado de “Compra com Doação Simultânea”. Esta modalidade do PAA é aplicada quando o grupo formal (associação, cooperativa e colônia) vende a sua produção para a Conab e faz a entrega do alimento diretamente em instituições de caráter social ou filantrópico. No Amazonas, estão sendo beneficiados os programas sociais de prefeituras, igrejas e, ainda, escolas, creches, unidades prisionais e de saúde, entre outros.
Apesar da compra atingir 31 itens, 87% estão concentradas em oito produtos. São eles banana (51 toneladas), macaxeira (47 toneladas), mamão (40 toneladas), abóbora (29 toneladas), peixe (24 toneladas), batata doce (14 toneladas), cupuaçu (12 toneladas) e abacaxi (10 toneladas).
Os demais itens adquiridos são: maxixe, quiabo, feijão de praia, cheiro verde, pimenta de cheiro, alface, couve, limão, laranja, melancia, milho verde, goiaba, cará, maracujá, pepino, farinha de mandioca, inhame, lima, coco, cebolinha, tambaqui curumim, chicória e graviola.
Os municípios beneficiados com a compra da produção foram: Humaitá, Anamã, Iranduba, Eirunepé, Borba, Tapauá, Careiro da Várzea, Manaquiri, Autazes, Presidente Figueiredo, Maués, Manacapuru e Benjamin Constant, entre outros.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email