Compra exige muita pesquisa do consumidor

As sucessivas quedas do dólar comercial, fenômeno que vem ocorrendo desde 2010, contribuíram, e muito, para a popularização de determinados tipos de eletrodomésticos

As sucessivas quedas do dólar comercial, fenômeno que vem ocorrendo desde 2010, contribuíram, e muito, para a popularização de determinados tipos de eletrodomésticos. A moeda americana, que já esteve cotada a nível comercial acima dos R$ 2 e hoje oscila entre R$ 1,60 e R$ 1,70, fez com que muitos brasileiros comprassem artigos que jamais pensaram em adquirir. Dentre estes itens de “luxo”, estava o ar-condicionado do tipo split, famoso por ser um modelo elegante e emitir menor barulho. Ele é um sucesso de vendas nacional, mas é necessário ainda pesquisar muito antes de fechar a compra.
O Jornal do Commercio pesquisou o preço de alguns aparelhos do tipo split no comércio local e comparou com os modelos vendidos na internet. A equipe percorreu as lojas da City Lar, Bemol, Ramons e Carrefour e constatou poucas diferenças nos valores cobrados.
Apesar da pouca variação, há um outro quesito que poderá ajudar onde comprar. As lojas adotam formas diversas de parcelar o preço do split. No caso da Bemol, um ar-condicionado split da Cônsul de 9.000 BTUs pode sair entre R$ 899 e R$ 999, porém o parcelamento é feito por cartão próprio ou demais bandeiras aceitas na praça. O valor que, em princípio, está a R$ 899, sobe para R$ 1.280, se o consumidor optar em parcelar em dez vezes pelo cartão da loja. Uma diferença de pouco mais de R$ 380 em relação ao preço à vista.
Simulando um pagamento do mesmo aparelho, só que desta vez com o cartão da bandeira Visa, por exemplo, em um parcelamento em dez vezes, o cliente também irá pagar o valor final de R$ 1.053, 90. Mesmo saindo mais salgado, o cartão das demais bandeiras mostra-se mais vantajoso em comparação com o crédito próprio da loja.

Compra pela internet

Outro lugar que é interessante pesquisar é nas lojas virtuais. Há uma série de vantagens comprando on-line. Muitas lojas da internet, como o Submarino, já oferecem frete grátis para todas as regiões do país com uma taxa de juros mensal mais em conta. Em alguns casos, os produtos podem ter um desconto de até 5% na compra à vista e um parcelamento de até 12 vezes sem juros.
Na simulação de uma compra de um split da marca Midea, de 9.000 BTUs, o valor cobrado no Submarino é de R$ 799. Caso o pagamento seja feito à vista, o valor cai para R$ 759,05. Para quem optar por dividir em prestações, a empresa oferece parcelamento de até 12 vezes, sem adição de juros, ou em até 24 vezes no cartão próprio, desta vez com juros.
A desvantagem das compras feitas pela internet também devem pesar na hora da escolha. Isto porque elas demoram até dez dias úteis para chegar em casa, além de não ser possível visualizar detalhes do produto e também não ser possível tirar dúvidas de operação já que não há a presença de um vendedor.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email