Com saldo de US$ 4 bi, balança tem em maio melhor superávit

A balança comercial brasileira fechou o mês de maio com saldo positivo de US$ 4.077 bilhões, diferença entre o valor exportado de US$ 19.306 bilhões e o importado de US$ 15.299 bilhões). Trata-se do melhor resultado do ano, alcançado em um mês em que o comércio exterior ainda foi afetado pela greve dos auditores da Receita Federal.
Os números mostram uma recuperação em relação a abril. Houve crescimento de 44,2% na média diária das exportações e de 29,8% nas importações. Em relação ao mesmo mês do ano anterior, a média diária das exportações avançou 55,6%. Já as importações cresceram 71%.
No acumulado do ano, as exportações somam US$ 72.054 bilhões, com média diária de US$ 706.4 milhões, valor 22,2% maior que o registrado no mesmo período do ano passado.
Já as importações somam US$ 63.399 bilhões, com média diária de US$ 621.6 milhões, resultado 49,2% maior que o verificado no mesmo período do ano passado. Com isso, o superávit comercial no ano está em US$ 8.655 bilhões, com média diária de US$ 84.8 milhões -o resultado, porém, é 47,3% menor que o registrado no mesmo período do ano passado.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email