Como já anunciado, faleceu no último dia 05 o economista RONALDO FRANCO DE SÁ BOMFIM, responsável por esta coluna que é publicada sob os auspícios e patrocínio do Centro da Indústria do Estado do Amazonas (CIEAM), desde 16/05/2003. Com tal fato, encerra-se um ciclo virtuoso de apresentação e debate de ideias, efetivado ininterruptamente, todas as quartas, quintas e sextas-feiras.
Na edição de lançamento, a coluna se anunciava como “um novo canal de comunicação com o setor produtivo” e “um fórum de ideias” para exercer uma “função de catálise”, sempre com ética e responsabilidade. Anunciava que contaria com a colaboração do Conselho do CIEAM, associados e técnicos.
Já nessa mesma edição destacava a onda que se agigantava no Brasil em busca de ética em todos os âmbitos da sociedade, alertando que as empresas que não estivessem sintonizadas com demandas sociais teriam muito a perder. Noticiava a vinda do Frei Betto, reconhecido intelectual de origem eclesiástica, com formação em antropologia, filosofia e jornalismo, para proferir palestra para os associados do CIEAM dentro da programação do ENCONTRO COM NOTÁVEIS. Informava, também, a ascensão da economista Flávia Grosso ao comando da Superintendência da SUFRAMA. E, ainda, registrava o envio de manifestação do CIEAM contra informações distorcidas veiculadas pelo jornal O Globo, pelo professor da FGV-RJ, Pedro Cavalcanti Ferreira reparando ataques.
Com essa agenda a coluna manteve-se ao longo de todo esse tempo: apresentação de ideias de vanguarda e fatos relevantes na compreensão do mundo contemporâneo; análise de situações de interesse direto ao meio empresarial regional; registro de fatos e noticias relevantes para a indústria regional e associados do CIEAM; e porta-voz de ações e providências tomadas pela entidade em favor de seus associados.
Com um estilo sofisticado, porém didático e objetivo, Ronaldo Bomfim manteve a coluna sempre rica em informações úteis para todos seus leitores. Dela saíram muitos assuntos que geraram debates e alimentaram colóquios entre empresários, técnicos, consultores e servidores públicos vinculados ao universo do segmento industrial.
Com este texto, esse ciclo se encerra e o CIEAM tem a honra de registrar que a promessa do início foi integralmente cumprida pelo nobre colaborador. O desafio será manter o mesmo nível nas semanas e meses que virão. Para tanto, novos enfoques estão sendo analisados, mas o modo e a agenda adotados pela coluna nesse tempo, serão exemplos a serem tido em conta no desenho desse novo futuro.
Obrigado ao respeitado e inesquecível Ronaldo Bomfim, pelas lúcidas contribuições que nos legou e que ficaram registradas nas páginas do Jornal do Commercio, ao longo desses quase 10 anos.

Dia Internacional da Mulher

Nesse dia Internacional da mulher gostaríamos de prestar nossa homenagem. Aliás, nada mais contraditório do que “ser mulher”.
Essa mulher que busca e conquista a cada dia seu espaço social e profissional, mas sem perder sua essência e continua sendo uma Mulher que pensa com o coração, age pela emoção e vence pelo amor. Que vive milhões de emoções e num só dia transmite cada uma delas, num único olhar. Que cobra de si, obstinadamente a perfeição e vive arrumando desculpa para os erros daqueles a quem ama. Que hospeda no ventre outras almas, um novo ser, dá a luz e depois fica cega da beleza dos filhos que gerou. Que dá asas, ensina a voar, mas não quer ver partir os “pássaros”, mesmo sabendo que eles não lhes pertencem. Que seja qual for o ambiente, familiar, social ou profissional, não perde a ternura do ser.
Mulher que mesmo depois das responsabilidades profissionais do dia a dia, se enfeita toda e perfuma o leito, ainda que seu amor nem perceba mais tais detalhes. Que, esconde suas angustias e como uma fada, transforma em luz e sorriso as dores que sente na alma, só para ninguém notar. E na mais pura essência maternal ainda tem que ser forte, para dar os ombros para quem neles precise chorar.
O mundo machista diz ser impossível entender o “mundo” feminino, na verdade, Feliz do homem que, por um dia, soube entender a alma da mulher!!! Mulher!!!.

Esta coluna é publicada às quartas, quintas e sextas-feiras e foi elaborada sob a coordenação do economista Ronaldo Bomfim.
[email protected]

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email