Cidade carioca ganha vôos para a Argentina após fase experimental

Enquanto o aeroporto de Campos, Bartholomeu Lyzandro, permanece fora de rota de vôos comerciais, o aeroporto internacional de Cabo Frio poderá ganhar definitivamente uma linha ligando a Bueno Aires.
Neste sábado, termina a fase experimental do vôo semanal que a TAM mantém entre Buenos Aires-Cabo Frio.
Segundo o diretor de Operações do aeroporto, Gabriel Velloso, o movimento nos dois sentidos tem sido de 140 a 160 passageiros.
“Após esse período, a empresa vai avalizar a viabilidade de abrir uma linha permanente, que precisará ainda ser homologada pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac)”, disse Velloso.
De acordo com ele, a localização privilegiada do aeroporto, entre a cidade do Rio de Janeiro e Macaé, torna o seu Terminal de Carga Aérea (Teca) uma base de apoio logístico às atividades ligadas à exploração de petróleo e gás na Bacia de Campos, além de representar uma alternativa para as cargas com destino à Região Metropolitana do Rio de Janeiro.
Ele informou também que os vôos domésticos, operados pela Total Linhas Aéreas, com duas freqüências semanais, um de ida no sábado, no percurso Rio-Cabo Frio- Ribeirão Preto- Uberlândia-Belo Horizonte, e outro no domingo, no sentido inverso, conta um movimento médio de 40 a 60 pessoas por semana.
Há cerca de um ano, com investimentos de R$ 35 milhões, parcialmente financiados elo governo do Estado, o Aeroporto Internacional de Cabo Frio inaugurou nova pista e teve ampliado o terminal de passageiros.
Equipado com modernos instrumentos de auxílio à navegação aérea, o novo aeroporto habilitou-se a operar vôos diurnos e noturnos, com aeronaves de todos os tipos e tamanhos.
O diretor de Operações do aeroporto, salientou que o aeroporto representou um salto de qualidade no turismo e colocou a Região dos Lagos no mapa do turismo internacional, gerando emprego e renda para a população local.

Características únicas

Segundo Gabriel Velloso, com uma nova pista, de 45 m de largura e 2.560 de comprimento, com possibilidade de ampliação para 3.000 metros, o aeroporto internacional de Cabo Frio, apresenta características únicas, sendo rota alternativa ao aeroporto internacional Tom Jobim.
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva esteve em Cabo Frio, na Região dos Lagos, para a inauguração da nova pista de pouso do Aeroporto Internacional do município. Lula chegou ao local acompanhado do governador do Estado, Sérgio Cabral, e do secretário-geral da presidência da República, Luiz Dulci.
O Aeroporto de Cabo Frio é o único sob administração privada com terminal de carga aérea no Brasil.
O presidente inaugurou a nova pista de pouso e um pátio de aeronaves com estrutura para receber vôos nacionais e internacionais de qualquer capacidade.

Investimentos totais

A ampliação da pista de pouso, que hoje tem 2.550 metros de comprimento, exigiu investimentos de R$ 35 milhões dos governos federal, estadual e municipal, além de R$ 5 milhões da concessionária Costa do Sol, operadora aeroportuária.
O Aeroporto Internacional de Cabo Frio é o segundo maior aeroporto do Estado do Rio e fica a 141 quilômetros da cidade do Rio de Janeiro.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email