China supera África do Sul como primeiro produtor

O volume é 12% maior do que o que foi produzido no ano anterior e representa mais de um décimo da oferta mundial de ouro.

A China se tornou o ma-ior produtor mundial de ouro no ano passado, ajudada por projetos conduzidos por canadenses e australianos, que visavam aumentar a oferta global do metal precioso em milhões de onça-troy (cada onça-troy equivale a 31 gramas). A China produziu 276 toneladas de ouro em 2007, o que corresponde a cerca de 9,7 milhões de onça-troy, disse a corretora de metais preciosos londrina GFMS.

O volume é 12% maior do que o que foi produzido no ano anterior e representa mais de um décimo da oferta mundial de ouro.

O ranking colocou a África do Sul em segundo lugar. Foi a primeira vez que a gigante do ouro perdeu a liderança mundial desde 1905. A corrida do ouro no final do século 19 na África do Sul levou à fundação da mineradora inglesa Anglo American, e o país africano também é a sede de produtores globais como Gold Fields e AngloGold Ashanti. Ainda assim, sua produção caiu 8% no ano passado para 272 toneladas.

O título de maior produtor de ouro mundial aumenta a lista de matérias-primas que a China produz mais do que qualquer outro país, incluindo alumínio e aço.

Não é provável que o país perca a liderança no futuro próximo, com a invasão de produtores estrangeiros ao país, em busca de áreas inexploradas de mineração.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email