Cesta básica 1,94% mais cara

Depois de quatro meses seguidos de queda, o custo da cesta básica de Manaus aumentou na passagem de maio para junho, segundo o Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos). O valor foi para R$ 250,30, deixando a capital amazonense na 6ª posição entre as 17 capitais onde é realizada mensalmente a pesquisa nacional.
O preço da cesta básica, composta por 12 produtos, subiu 1,94% em relação a maio. No mês anterior, o conjunto de itens alimentícios essenciais custava R$ 245,54. Em junho de 2010, o preço era R$ 236,27.
Sete produtos apresentaram alta de preços, quatro registraram redução e um produto ficou estável. A banana (9,06%) foi o produto com a maior alta, seguido do tomate (7,17%). O feijão (-8,19%) foi o produto que apresentou a maior redução no mês, seguido, da farinha (-6,75%). O óleo de soja ficou estável no mês.

Salário mínimo

De acordo com o Dieese, um trabalhador que ganha um salário mínimo em Manaus comprometeu, em junho, 49,92% do rendimento líquido (R$ 501,40), após o desconto de 8% re‑ ferente à contribuição previdenciária -com a aquisição dos alimentos básicos. Em maio, o comprometimento foi de 48,97%. “Este mesmo trabalhador precisou trabalhar 101 horas e 2 minutos para comprar a cesta básica em junho. Em maio a jornada exigida era de 99 horas e 7 minutos. Na média das 17 capitais, a jornada era 96 horas e 5 minutos, tempo maior que o exigido em maio (95 horas e 16 minutos)”, assinalou a instituição, no texto da pesquisa.
A sondagem indica que a alimentação básica de uma família manauara custa R$ 750,90. O custo da cesta básica para o sustento de uma família de quatro pessoas (dois adultos e duas crianças, sendo que estas consomem o equivalente a um adulto) foi de R$ 750,90 durante junho. “Esse valor equivale a aproximadamente 1,38 vezes o salário mínimo bruto, fixado pelo governo federal em R$ 545,00. No mês anterior, o custo da cesta básica para esta mesma família foi de R$ 736,62”, encerrou o texto do Dieese.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email