Centro-Oeste terá R$ 1,4 bi para fábrica de trilhos

A Sudeco (Superintendência de Desenvolvimento do Centro-Oeste), autarquia ligada ao Ministério da Integração Nacional, vai usar R$ 1,4 bilhão para financiar a construção de uma fábrica de trilhos na região. O recurso virá do Fundo de Desenvolvimento do Centro-Oeste previsto na MP 581, já aprovado na Câmara e no Senado. O dinheiro do fundo já está previsto no Orçamento da União, ainda não votado no Congresso.
A Superintendência já administra um fundo constitucional para a região com R$ 17 bilhões em caixa. Segundo Marcelo Dourado, superintendente da Sudeco, pelo menos três empresas estrangeiras estariam interessadas em montar uma unidade siderúrgica na região para a produção de trilho.
O plano é ter uma siderúrgica com laminador para a produção de pelo menos 200 mil toneladas de trilho por ano, diz Dourado. O minério necessário à produção viria das jazidas de ferro existentes hoje na região de Corumbá (MS), próximo à divisa com a Bolívia.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email