Caso Renan é associado ao governo por entrevistados

Ao contrário do esforço dos integrantes da base aliada do Palácio do Planalto, os entrevistados ouvidos pela pesquisa da CNI/Ibope associam a crise envolvendo o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), ao noticiário relativo ao governo federal. A associação espontânea ocorre quanto questionados sobre as principais notícias que envolvem o governo.
A pesquisa não entrou em detalhes sobre as acusações de quebra de decoro que pesam contra Renan nem tratou de questões sobre a discussão do assunto no Senado. A única questão em que o senador é citado é quando se questiona: “Quais as principais notícias sobre o governo do presidente Lula nas últimas semanas?”.
No período de 13 a 18 de setembro, a pesquisa entrevistou 2.002 pessoas, em 142 municípios do país. A margem de erro é dois pontos percentuais, para mais ou para menos.
Além das denúncias envolvendo o senador peemedebista, os entrevistados citaram também, numa associação com o governo: a crise nos aeroportos, as viagens do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o julgamento, pelo STF (Supremo Tribunal Federal), das denúncias contra os 40 acusados de envolvimento no mensalão. A discussão sobre a prorrogação da CPMF (Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira) até 2011 só é citada como quinto item de preocupações dos entrevistados.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email