Carlos Alberto combate exploração de crianças

O quarto lugar ocupado pelo estado do Amazonas em denúncias de exploração de crianças, segundo relatório da Secretaria Especial dos Direitos Humanos (SEDH) e publicado pelo jornal Diário do Amazonas chamou a atenção do deputado Carlos Alberto (PRB), um dos parlamentares na Casa Legislativa que combate à exploração sexual de crianças, jovens e adolescentes.

Da tribuna, Carlos Alberto disse que “infelizmente” o Amazonas ocupa essa colocação em denúncias registradas ao número 100, o Disque Denúncia Nacional de Abuso e Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes.

Os dados da SEDH publicados na imprensa mostram que de 2003 a setembro de 2007 foram registradas no Amazonas a média de 1.027 ligações por grupo de 100 mil habitantes.
O número, como fez questão de registrar a assessora de comunicação do Programa Nacional de Combate à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, Alessandra Meirelles, de acordo com a matéria, não reflete, necessariamente a violência, mas a divulgação do número e a conscientização social. No Brasil, ainda de acordo com a matéria, o maior caso de denúncia é a de exploração sexual comercial, com 7.398 registros.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email