Carboflex vai investir mais de R$ 11 milhões no projeto

Pouco mais de seis meses após o seu início, o Projeto Silvinita já pode ser considerado um caso de sucesso na Carboflex. A empresa participa do projeto oferecendo serviços de fluídos de perfuração, equipamentos de controle de sólidos, engenharia, além de apoio no projeto técnico.
Criado para alavancar a produção nacional de potássio, o projeto, comandado pela empresa Potássio do Brasil, prevê um investimento de U$ 4 bilhões na região.
Para Manoel Cidreira, gerente geral de negócios, um dos pontos fortes desse projeto foi a possibilidade de ampliar o portifólio de clientes e áreas de atuação da Carboflex. “Conseguimos mostrar a mesma qualidade e excelência dos nossos produtos num projeto que não é da área de Petróleo. Isso abre ótimas possibilidades de negócios para a companhia”, afirma Cidreira.
Em 2013, a Carboflex está investindo cerca de R$ 11 milhões em tecnologia, equipamento e logística nessa ação. Serão mais de 30 profissionais alocados, entre químicos e técnicos, trabalhando em 30 poços de exploração, sempre na sua fase exploratória.
“O nosso crescimento nesse projeto é o resultado de uma equipe competente, dedicada e que trabalha junto. O esforço logístico que a empresa faz para atuar numa região de floresta com alta capacidade técnica, bons resultados e retorno para o parceiro deve sempre ser comemorado”, finaliza Cidreira.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email