Candidatos de uma eleição nada normal

A pandemia de covid-19 causou alterações no calendário eleitoral de 2020. A Emenda Constitucional nº107/2020 adiou a data da votação e o primeiro turno acontecerá em 15 de novembro. Nas cidades onde houver segundo turno, o pleito fica marcado para duas semanas depois, no dia 29. O mesmo se deu em todas as etapas anteriores, que sofreram modificações de datas.

A maneira como as eleições serão realizadas também sofreu alterações, para garantir medidas de segurança aos eleitores. O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) decidiu que, no pleito deste ano, não será necessária a identificação por biometria (método que utiliza a impressão digital para identificação) para evitar possíveis fraudes. 

A partir das eleições de 2020, as regras para eleições proporcionais mudaram e as coligações partidárias estão proibidas. A medida foi aprovada em 2017, entretanto passou a valer somente este ano. 

O Congresso acrescentou também ao Código Eleitoral o crime de denunciação caluniosa com intenção eleitoral. A lei passa a punir, com prisão de dois a oito anos, além de multa, o candidato que “comprovadamente, ciente da inocência do denunciado e com finalidade eleitoral”, espalhar acusações falsas contra adversários. Veja, a seguir, quem são os candidatos à Prefeitura de Manaus deste ano.

Alfredo Nascimento (PL) 

Alfredo Nascimento, 68, é natural de Martins (RN). Em 1995, foi eleito vice-governador na chapa do então governador Amazonino Mendes. Em 1997, foi eleito pela primeira vez prefeito de Manaus e reeleito em 2000, após derrotar Eduardo Braga. Em 2004, foi ministro dos Transportes do ex-presidente Lula, e voltou ao cargo em 2007, ficando até 2010. Foi senador de 2006 a 2014. Em 2010, tentou o governo do Amazonas, mas foi derrotado pelo então governador Omar Aziz. Em 2014, foi sagrado deputado federal, ficando no cargo até o final de 2018.

Amazonino Mendes (Podemos)

Amazonino Mendes, 80, nasceu em Eirunepé (AM) e é formado em Direito pela Ufam. Atuou como advogado e como empresário da construção civil, antes de entrar para a política. Foi líder estudantil, de atuação nacional, chegando a ser preso durante o regime militar (1964 – 1985), lutando pela volta da das eleições diretas. Foi três vezes prefeito de Manaus, quatro vezes governador e também foi senador da República. Entre as realizações como gestor, destacam-se a construção de hospitais como o Francisca Mendes (Cidade Nova) e João Lúcio (São José), a criação da UEA (Universidade do Estado do Amazonas) e a restauração do Teatro Amazonas.

Capitão Alberto Neto (Republicanos) 

Casado e pai de três filhos, Capitão Alberto Neto é bacharel em Segurança Pública, pela UEA, e em Direito, pela Unicid, além de ter pós-graduação nas áreas de Gestão Pública (UEA), Ciências Jurídicas (Unicid) e Docência no Ensino Superior (La Salle). Foi professor de matemática, militar e oficial da Polícia Militar do Amazonas, onde comandou a Rocam (Ronda Cândido Mariano), na 2ª e na 26ª Cicoms (Companhia Interativa Comunitária). Com o voto de 107.168 mil amazonenses, foi eleito deputado federal pelo Amazonas, em 2018. Atualmente é vice-líder do governo na Câmara.

Chico Preto (Democracia Cristã)

Formado em Direito pela Universidade Nilton Lins, Chico Preto, 51, é vereador da capital amazonense. Foi presidente da Câmara Municipal de Manaus, deputado estadual, secretário municipal de Obras e secretário estadual do Trabalho. Iniciou a carreira política aos 23, ao se candidatar à vaga no parlamento municipal, conquistando a suplência. Em 1994, atuou na Secretaria Executiva da Semosb (Secretaria Municipal de Obras). Em 1996, conquistou seu primeiro mandato como vereador, sendo reeleito quatro anos depois. Entre 2003 e 2004, foi titular da Secretaria de Estado do Trabalho e Cidadania.

Coronel Menezes (Patriota) 

Coronel de reserva do Exército Brasileiro, Alfredo Alexandre de Menezes Júnior, é manauara e estudou no Colégio Militar de Manaus e na Academia Militar das Agulhas Negras, onde cursou Arma de Engenharia. Passou 30 anos no Exército e realizou cursos universitários – Administração, Logística e Planejamento – e de combatente – Paraquedismo Militar, Mestre de Salto, Piloto de Helicóptero na Marinha, entre outros. Em 2010, migrou para iniciativa privada, na gerência de uma instituição financeira e foi titular da Suframa entre fevereiro de 2019 e junho de 2020. 

David Almeida (Avante)

Natural de Manaus, David Antônio Abisai Pereira de Almeida é bacharel em Direito. Foi eleito deputado estadual e 2006 e reeleito em 2010. Já no terceiro mandato, de 2014 a 2015, foi presidente da CCJR (Comissão de Constituição, Justiça e Redação) da Aleam. Em dezembro de 2016, foi eleito presidente da casa legislativa para o biênio 2017/2018. Em maio de 2017, assumiu interinamente o governo do Amazonas até o início de outubro. Encerrou seu mandato em dezembro de 2018 e, em maio do ano seguinte, assumiu a presidência do diretório estadual do partido no Amazonas.

Gilberto Vasconcelos (PSTU) 

Casado e com o ensino superior completo, Gilberto Vasconcelos da Silva, 53, é professor da rede municipal e trabalha com o Ensino Fundamental, em Manaus. Na convenção, o PSTU lançou o manifesto para as eleições “Por uma Alternativa Revolucionária, Socialista e Antirracista para Manaus”. Antes disso, foi candidato a vice-governador em 2014, quando Hebert Viana disputou uma vaga para o governo do Estado. Atualmente, preside o diretório estadual do partido. Gilberto também é membro da Central Sindical e Popular – Conlutas do Amazonas. 

José Ricardo (PT) 

José Ricardo nasceu no Rio Grande do Sul, mas mora em Manaus desde os 7 anos. É formado em Economia, pela Ufam, e em Direito, pela Faculdade Nilton Lins, tendo atuado como professor universitário e consultor econômico. Conhecido como “Homem da Kombi”, é o deputado federal do Amazonas mais votado em 2018 e foi escolhido este ano, pela população, no Prêmio Congresso em Foco, como parlamentar mais atuante em defesa da educação. Já foi deputado estadual por dois mandatos e vereador de Manaus duas vezes. 

Marcelo Amil (PCdoB)

O advogado Marcelo Amil 36, é professor de “Noções Básicas de Direito” para crianças e adolescentes de uma escola na zona Norte, e defensor geral do TJD-AM (Tribunal de Justiça Desportivo do Amazonas). É a segunda eleição que o candidato disputa. Em 2018, tentou uma vaga de deputado federal pelo Amazonas, concorrendo pelo PMN. Conseguiu 140 mil votos, mas não se elegeu. Amil começou em movimentos sociais aos 17 anos, como presidente de grêmio estudantil, sendo depois escolhido como vice-presidente da Uesa (União Municipal dos Estudantes Secundaristas). Também foi presidente da Juventude Popular Socialista no Amazonas.

Ricardo Nicolau (PSD) 

Natural de Manaus, Ricardo Nicolau, 45, iniciou a carreira política por influência do pai, o médico neurocirurgião e ex-deputado federal Luís Fernando Nicolau. Ao lado do pai, e com 16 anos de idade, administrou o extinto Hospital e Pronto-Socorro dos Acidentados. Aos 21, foi eleito vereador de Manaus. No início da carreira política, nos anos 1990, foi vereador por Manaus. Está há cinco mandatos como deputado estadual na Aleam (Assembleia Legislativa do Amazonas) e já chegou a presidir a casa legislativa por dois anos (2011 e 2012). Casado e pai de duas filhas, o candidato é diretor do Grupo Samel. 

Romero Reis (Partido Novo)

Nascido em São Joaquim da Barra (SP), Romero Reis, entrou para o Exército Brasileiro, como aluno da escola, aos 15, e conquistou, mais tarde, uma vaga na Academia das Agulhas Negras. Formou-se oficial em 1983, entre os primeiros lugares da turma. Entre 1984 e 1987, serviu em Jundiaí-SP e Sete Lagoas-MG, onde prestou concurso para o Instituto Militar de Engenharia, formando-se em 1990. Foi quando escolheu servir em Manaus. Entrou para a reserva em 2001 e desde então passou a se dedicar à sua empresa e formação como empreendedor. 

Reportagem de Chris Reis

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email