9 de maio de 2021

Bombeiros recebem chamadas para avaliar impacto do tremor em Manaus

O Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) recebeu chamadas de diversas áreas de Manaus em decorrência do reflexo de um terremoto de magnitude 5,7 registrado na Guiana, neste domingo. O primeiro chamado de tremor em Manaus ocorreu às 15h30, por meio de seu disque-emergência 193.

De acordo com o Centro de Operações Bombeiro Militar (Cobom), houve chamados para os seguintes locais da capital amazonense: Dom Pedro Living Confort (zona centro-oeste); Smille Cidade Nova (zona norte); Topázio Parque Dez (zona centro-sul); Dom Pedro Tiago de Melo (zona centro-oeste); Ponta Negra Smille (zona-oeste); Parque Dez Edifício Napole (zona centro-sul) e Adrianópolis Prédio Tereza (zona centro-sul)

A equipe do Auto Bomba Tanque (ABT-29) foi destacada para realizar as vistorias. Ainda de acordo com o Cobom, não houve registro de vítimas feridas, nem danos materiais.

Segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), o epicentro do tremor na Guiana foi registrado a cerca de 40 quilômetros da fronteira com o Brasil, no estado de Roraima. O epicentro do terremoto estava a uma profundidade de 9,7 quilômetros, considerada relativamente rasa.

De acordo com a estimativa do USGS, o fenômeno pode ser sentido na maior parte da fronteira entre Roraima e a Guiana, inclusive em uma região próxima à capital roraimense, Boa Vista. A maior cidade brasileira próxima ao epicentro do terremoto, segundo o observatório, é Bonfim, a pouco mais de 80 km da origem do tremor.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email