Bolsas caem com bancos, petróleo e materiais de construção na Europa

As bolsas européias fecharam na quinta-feira em baixa. A expectativa de novas reduções nos valores de ativos no setor bancário e as perdas nos papéis das empresas de materiais de construção prejudicaram os negócios de quinta-feira. Além disso, o preço do barril do petróleo voltou a superar a casa dos US$ 120.
A Bolsa de Londres teve ligeira variação negativa de 0,03%, ficando com 5.370,20 pontos; a Bolsa de Paris caiu 1,40%, para 4.304,61 pontos; a Bolsa de Amsterdã teve perda de 0,59%, caindo para 400,23 pontos; a Bolsa de Frankfurt teve baixa de 1,28%, ficando com 6.236,96 pontos; a Bolsa de Milão teve queda de 1,07%, encerrando o dia com 21.427 pontos; e a Bolsa de Zurique caiu 1,40%, para 7.000,53 pontos.
No setor bancário, os papéis que mais perderam foram os do HSBC Holdings (-2,8%) e do BNP Paribas (-2,5%). O banco americano Citigroup previu que três bancos americanos neste trimestre deverão registrar uma queda combinada em torno de US$ 6,4 bilhões nos valores de seus ativos.

Negociações abandonadas

Além disso, o diário britânico “Financial Times” informou que o Korea Development Bank e o chinês Citic Securities abandonaram as negociações para comprar uma participação no banco americano Lehman Brothers Holdings -que não comentou a notícia.
As ações da Holcim caíram 0,8%. O lucro da empresa caiu no segundo trimestre com a redução na atividade do setor de construção nos Estados Unidos e o aumento nos custos de transportes e matérias-primas. Ainda no setor de construção caíram as ações da Cie. de Saint-Gobain (-2,5%). As ações da fabricante francesa de cimento Lafarge caíram 3%.
O petróleo voltou a subir com a desvalorização do dólar. O euro subiu no pregão de quinta-feira no mercado de Frankfurt e fechou cotado para venda a US$ 1.4888, frente ao US$ 1.4687 de ontem. O BCE (Banco Central Europeu) fixou na quinta-feira o câmbio oficial do euro em US$ 1.4814.

Custo do combustível

As ações da companhia aérea Ryanair caíram 3,1%, com o temor de que o petróleo mais caro possa afetar os custos do combustível. Além disso, as ações da Air France-KLM caíram 3,8% e as da BMW perderam 3,4%.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email