Bolsa de Tóquio cai 0,5% com a renúncia de premiê Shinzo Abe

A súbita renúncia do primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, fez a Bolsa de Tóquio recuar de seus ganhos iniciais e fechar em queda. O índice Nikkei 225, que vinha subindo com o estímulo da alta de anteontem em Wall Street, caiu 80,07 pontos, ou 0,5%, fechando em 15.797,60 pontos.
Segundo os analistas, a renúncia de Abe pode impedir que o Nikkei ultrapasse logo os 16 mil pontos, embora, a expectativa já fosse a de que o mercado ficaria de lado até o vencimento dos contratos futuros e de opções, na próxima sexta-feira, e da decisão do Federal Reserve (o banco central dos EUA) sobre os juros, na semana que vem. Embora uma eventual queda de Abe tenha sido prevista pelos observadores políticos, a decisão pegou o país de surpresa.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email