BNDES aprova programa de crédito à produção de plásticos

O BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) informou na sexta-feira, 11, em comunicado, a aprovação da criação de um programa específico de financiamento para a indústria de transformados plásticos, o BNDES Proplástico (Programa de Apoio ao Desenvolvimento da Cadeia Produtiva do Plástico), que terá orçamento de R$ 700 milhões, e prazo de vigência até setembro de 2012.
De acordo com informações fornecidas pelo banco, o programa tem como objetivo a modernização das empresas do setor, e visa o aumento da produção de plásticos e seus produtos, de equipamentos e de moldes para o segmento – além da melhoria dos padrões de qualidade e de produtividade das indústrias instaladas no país.
O banco informou que o valor mínimo das operações a serem apoiadas no âmbito desse programa é de R$ 3 milhões. O custo financeiro do BNDES Proplástico terá como base a TJLP (Taxa de Juros a Longo Prazo), atualmente em 6% ao ano. A remuneração básica do BNDES varia de acordo com o porte da empresa, sendo de 1% ao ano para as MPMEs (micro, pequenas e médias empresas).
No âmbito do programa, as taxas de risco de crédito das operações de empresas com faturamento bruto de até R$ 300 milhões serão fixas em 0,5% ao ano, enquanto as operações com as demais empresas seguirão as políticas operacionais do BNDES. O prazo total do financiamento é de até dez anos, incluindo até três anos de carência.
Dados apurados pelo banco atestam que o setor de transformados plásticos, conta com cerca de 11 mil indústrias no país, sendo mais de 70% microempresas, sendo responsável pela geração de aproximadamente 300 mil empregos no Brasil, segundo cálculos da instituição.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email