BC planeja cartão físico para implementar Pix Offline

O Banco Central planeja a criação de um cartão para auxiliar na implementação do Pix Offline, afirmou o presidente da autarquia, Roberto Campos Neto, nesta quarta-feira (30) em evento promovido pelo escritório de advocacia Mattos Filho.

Atualmente, o usuário precisa estar conectado à internet para conseguir realizar pagamentos ou transferências pela modalidade.

Segundo Campos Neto, o cartão Pix funcionaria como uma espécie de cartão pré-pago: o consumidor conseguiria transferir recursos para ele enquanto estivesse online e usar o cartão normalmente no mundo offline.

“Em algum momento teremos o cartão Pix. Você aproxima o celular e transfere [o dinheiro]. Você vai poder usar o cartão no mundo offline e quando voltar para o mundo online, você se conecta e pode transferir o seu saldo de volta. Em breve vamos oferecer esse produto também”, afirmou Campos Neto em evento.

De acordo com o cronograma do Banco Central, o Pix Offline deve ser implementado ainda no quarto trimestre deste ano, junto com o Pix por aproximação e o mecanismo especial de devolução -planejado pelo BC como uma maneira de aumentar a rastreabilidade e reprimir fraudadores.

Antes, no terceiro trimestre, a autarquia ainda planeja implementar o Pix Saque e o Pix Troco -que envolvem a possibilidade de sacar ou receber como troco das empresas de varejo o papel moeda- e o Agendamento Pix.

Procurado, o Banco Central não respondeu sobre mais detalhes dessa modalidade até a publicação desta reportagem.

Fonte: Folhapress
Foto/Destaque: Divulgação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email