Banco Itaú deve comprar operações de alta renda do espanhol BBVA

Em abril, a instituição havia adquirido do ABN Amro Bank as operações de “private banking’’ em Miami (EUA) e Montevidéu (Uruguai).

O banco Itaú prepara-se para dar um novo passo dentro de seu processo de internacionalização, com a compra das operações latino-americanas de “private banking’’ (segmento destinado a clientes de alta renda) do espanhol BBVA.

Segundo nota do Itaú, o negócio ainda está em análise e deve ter custo inferior a US$ 100 milhões. Neste ano, o lucro líquido do Itaú deve superar os US$ 4 bilhões.
Em abril, a instituição havia adquirido do ABN Amro Bank as operações de “private banking’’ em Miami (EUA) e Montevidéu (Uruguai).

Luis Miguel Santacreu, analista de bancos da Austin Rating, diz que “uma operação dessa não surpreende, pois vem em linha com a posição do Itaú’’ nos últimos tempos. “Não deixa de ser uma estratégia de diversificação. Quem sabe o “private banking’ não sirva como um primeiro passo para entrar nesses países e no futuro passar a explorar o segmento de varejo’’, diz ele.

O Itaú também já entrou no Chile e no Uruguai, após comprar, em 2006, as operações que eram do BankBoston. O banco brasileiro também atua na Argentina, nos EUA e na Europa.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email