11 de abril de 2021

Banco americano Citigroup registra lucro de US$ 1.59 bi no 1° trimestre

O banco americano Citigroup, um dos mais atingidos pela crise financeira que acarretou a atual crise na economia global, registrou no primeiro trimestre deste ano um lucro de US$ 1.59 bilhão

O banco americano Citigroup, um dos mais atingidos pela crise financeira que acarretou a atual crise na economia global, registrou no primeiro trimestre deste ano um lucro de US$ 1.59 bilhão, contra o prejuízo de US$ 5.11 bilhões no mesmo trimestre do ano passado.
Trata-se do primeiro resultado positivo da instituição em 18 meses, e reflete o desempenho positivo em áreas como a de investimentos. O banco, no entanto, informou que, apesar do lucro líquido no período, teve uma perda de US$ 0.18 por ação devido a um encargo de US$ 0.24 devido à revisão de preços de suas ações.
A receita do Citigroup no período ficou em US$ 24.79 bilhões, devido à diminuição nas revisões para baixo nos valores de seus ativos. Analistas previam uma perda de US$ 0.34 por ação e receita de US$ 21.95 bilhões.
O banco informou ainda que vem ampliando suas reservas para cobrir eventuais perdas com inadimplência e que, neste ano, já cortou 13 mil empregos. No ano passado como um todo, a instituição teve um prejuízo de US$ 18.72 bilhões.
Em janeiro deste ano, o Citi informou que planeja uma separação do grupo em duas partes, o Citicorp e a Citi Holdings, segundo o executivo-chefe do banco, Vikram Pandit. O Citicorp vai ficar com a operação bancária do grupo, presente em mais de 100 países. Já o Citi Holdings irá lidar com a divisão de gerenciamento de ativos e de finanças do consumidor.
O setor bancário americano vem apresentando desempenho positivo referente ao primeiro trimestre. Nesta semana duas instituições já divulgaram balanços que agradaram o mercado financeiro -o JPMorgan Chase e o Goldman Sachs.
O lucro do JPMorgan ficou em US$ 2.14 bilhões (US$ 0,40 por ação) no primeiro trimestre deste ano, 10% abaixo do registrado no mesmo período do ano passado. Mesmo com a queda em relação ao primeiro trimestre de 2008, o resultado superou as previsões dos analistas, de ganho de US$ 0.32 por ação. A receita do banco, por sua vez, bateu recorde e chegou a US$ 26.9 bilhões.
Já o Goldman Sachs anunciou que teve lucro líquido de US$ 1,66 bilhão no primeiro trimestre (lucro de US$ 3.39 por ação), ante US$ 1.47 bilhão em idêntico período de 2008. O resultado superou com folga as previsões dos analistas do mercado financeiro, que esperavam lucro de US$ 1.64 por ação.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email