27 de fevereiro de 2021

Avaliação positiva de Lula se mantém estável

“O presidente Lula está popular em estabilidade. Pode estar havendo uma pequena queda, mas não podemos fazer esta conclusão neste momento porque o índice está dentro da margem de erro”

A avaliação positiva do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e do governo federal mantiveram-se praticamente estáveis em outubro deste ano, segundo pesquisa CNT/Sensus divulgada ontem. O governo apresentou avaliação positiva de 46,5% contra 47,5% em junho deste ano. Já a avaliação negativa teve uma pequena elevação, de 14% para 16,5% em outubro. A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais, para mais ou para menos.

Já a avaliação do desempenho pessoal de Lula, embora tenha se mantido estável, teve uma pequena oscilação: 64% em junho para 61,2% em outubro. O índice de desaprovação do presidente também apresentou uma pequena oscilação: de 29,8% em junho para 32,5% em outubro.

“O presidente Lula está popular em estabilidade. Pode estar havendo uma pequena queda, mas não podemos fazer esta conclusão neste momento porque o índice está dentro da margem de erro”, afirmou o presidente da CNT, Clésio Andrade. Segundo ele, o alto índice de popularidade do presidente é conseqüência da expectativa positiva da população em relação ao emprego, aos programas sociais e aos índices econômicos do país. “É um conjunto de fatores que têm ajudado”. A pesquisa ouviu 2.000 pessoas em 136 municípios do país, entre os dias 8 e 12 de outubro.

Já o governador de São Paulo, José Serra (PSDB), lidera a pesquisa para a sucessão presidencial de 2010. O tucano teve 12,8% de intenções de voto, seguido por Geraldo Alckmin (PSDB), com 11,6%. Em terceiro lugar aparece outro governador do PSDB, Aécio Neves, com 9,8% das intenções de voto. O tucano foi é por Ciro Gomes (PSB), com 9,4%, e pela presidente do PSOL, Heloísa Helena, com 6,1%. Em uma lista apresentada aos eleitores com 22 candidatos em ordem alfabética, a ex-prefeita de São Paulo Marta Suplicy foi o nome do PT melhor posicionado na pesquisa.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email