Aumenta teledensidade no Amazonas

O número é resultado da revisão da projeção mensal da população pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) que influenciou na alteração da teledensidade em algumas unidades da Federação. O Amazonas é seguido por Roraima que obteve crescimento de 11,65% com teledensidade de 60,99 em feve­reiro deste ano, ante os 54,63 registrado em janeiro. O Brasil ­chegou a 152.364.986 assinantes no SMP (Serviço Móvel Pessoal), com 415.909 novas habilitações (crescimento de 0,27%) em ­fevereiro de 2009. Do total de acessos do país, 124.307.399 (81,59%) são ­pré-pagos, e 28.057.587 (18,41%), pós-pagos.
A teledensidade é o indicador utilizado internacionalmente para demonstrar o número de telefones em serviço em cada grupo de cem habitantes.
A teledensidade no Brasil alcançou o índice de 79,94, um crescimento de 0,19% em relação a janeiro (índice de 79,79). Comparado a fevereiro de 2008, quando o índice era de 65,09, o crescimento foi de 22,82%. O Distrito Federal lidera a teledensidade móvel brasileira, com índice de 143,76 –ou seja, 1,44 telefone para cada habitante. Comparado com o mês anterior, o índice apresentou crescimento de 4,34% (era 137,78). O Rio de Janeiro, segundo colocado no ranking teve um decréscimo de 0,51%, (caiu de 98,37 para 97,87). Em terceiro no indicador, o Mato Grosso do Sul tem índice de 96,01 e apresentou crescimento de 0,36% (era de 95,67).
Os maiores crescimentos da teledensidade em janeiro foram registrados no Amazonas, Roraima, Distrito Federal Tocantins e Rondônia. Nos dois primeiros meses, o destaque fica com Tocantins, Rondônia, Amapá, São Paulo e Espírito Santo.
O Centro-Oeste lidera a teledensidade entre as regiões brasileiras com um índice de 97,87, seguido pelo Sudeste, com índice de 91,31. Em terceiro no indicador está a região Sul, com índice de 84,69, seguido pelas regiões Nordeste (61,39) e Norte (61,17).

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email