Atividade econômica avança 0,44%

O IBC-Br (Índice de Atividade Econômica do Banco Central) subiu 0,44% em abril ante março, atingindo 143,60 pontos, de acordo com dados dessazonalizados divulgados ontem pela autoridade monetária. No trimestre encerrado em abril, a alta média no indicador foi de 1,33% ante os três meses imediatamente anteriores, também considerando os dados dessazonalizados. Na comparação com o período de fevereiro a abril de 2010, a alta foi de 3,73%. Sem ajuste sazonal, a alta no trimestre encerrado em abril foi de 3,5% ante igual período do ano passado.
Segundo a autoridade monetária, o IBC-Br acumula no primeiro quadrimestre alta média de 1,66%, ante a média dos quatro meses imediatamente anteriores (considerando a série dessazonalizada). Em termos anualizados, a expansão na margem representa alta de 5,06%. Na comparação com período de janeiro a abril de 2010, a alta no quadrimestre foi de 3,94%, com ajuste sazonal, e de 3,88%, na série sem ajuste.
O IBC-Br tenta antecipar o comportamento da economia brasileira mostrado no PIB (Produto Interno Bruto), divulgado trimestralmente pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). O índice incorpora e sintetiza informações sobre o nível da atividade da indústria, comércio, agropecuária e serviços.
O Banco Central prevê para este ano crescimento de 4% para a economia brasileira. Já o Ministério da Fazenda trabalha com aumento de 4,5% para o Produto Interno Bruto.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email