As ações e fundos favoritos dos grandes investidores em abril

Ações de companhias brasileiras de setores menos impactados com a crise do novo coronavírus que tinham se desvalorizado demais atraíram os investidores em abril, que viram nelas oportunidades para o médio e longo prazo. É o que mostra o estudo Big Data SmartBrain.

O levantamento da fintech é feito com base nos dados de sua plataforma de consolidação de investimentos, que processa 210 mil extratos diariamente, somando mais de R$ 120 bilhões. Os investidores analisados, em sua maioria, possuem mais de R$ 300 mil e são dos segmentos Alta Renda ou Private, os chamados grandes investidores.

No mês, a Bolsa subiu seguindo os mercados no exterior. O tom mais ameno veio principalmente da desaceleração do número de casos de covid-19 em alguns países da Europa, da queda menor do que a projetada das exportações chinesas, das expectativas de que a recuperação da economia americana pode ser mais rápida e do acordo da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), que decidiu diminuir a produção da commodity.

Assim, o Ibovespa fechou o mês de abril com alta de 10,25%, apesar de ainda acumular uma desvalorização de 30,39% no ano. No mês passado, o dólar subiu 4,69%, chegando a R$ 5,438. No ano, a moeda americana valorizou 35,51% frente ao real.

Fonte: Redação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email