Arthur anuncia novas mudanças

Após sete meses à frente do executivo municipal, o prefeito Arthur Virgílio Neto anunciou na tarde de ontem (1.º) a primeira reforma administrativa no primeiro escalão de seu secretariado. O anúncio aconteceu diante de todo o novo quadro de secretários da Prefeitura Municipal de Manaus e de alguns vereadores. De acordo com o prefeito, as mudanças, que já haviam sido publicadas na edição do “Diário Oficial” do Município da última quarta-feira (31), têm o objetivo de dar mais funcionalidade e economia à gestão e são uma forma de aproximar prefeitura e secretarias.
“O objetivo é termos um governo mais compacto, fortalecido como uma usina produtora de idéias e com pessoas fortes que entram e ressaltando que as pessoas que ficam, certamente, estão sete meses mais tarimbadas. Quero sempre confiar em quem nomeio, e a confiança é o que define a continuidade de nossa relação”, garantiu Arthur
As 23 secretarias que formavam a administração municipal em janeiro, foram reduzidas a apenas 19 pastas. Foram extintas as secretarias municipais de Assuntos Federativos (Semaf), que teve suas atribuições absorvidas pela Casa Civil (antigo Gabinete Civil); de Administração e Coordenação de Bairros (Semac), incorporada pela de Assistência Social e Direitos Humanos (Semasdh); de Habitação e Assuntos Fundiários (Sehaf), cujas atribuições passam a ser de competência da Secretaria de Governo (Semgov); e Secretaria de Assuntos Jurídicos, que desempenhava função semelhante à da PGM (Procuradoria Geral do Município).
O prefeito extinguiu ainda as secretarias municipais de Desporto e Lazer e de Juventude, que fundidas, dão lugar à Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Lazer (Semjel). Além disso foram criadas mais três novas pastas: Secretaria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres (ainda sem titular definido), Secretaria Municipal do Centro e UGPM-Água, ambas comandadas por Rafael Assayag.
Na Semad (Secretária Municipal de Administração), que passa agora a ser responsável também pelo Planejamento e Gestão, sai Luiz Irapuan Pinheiro e entra o advogado e administrador Serafim Pereira Meirelles.
Arthur Neto confirmou também a desvinculação definitiva do Manaustrans em relação ao SMTU. Na mesma ocasião, o prefeito anunciou o nome do novo gestor do Manaustrans, o engenheiro de tráfego Paulo Henrique do Nascimento, que passa a ter status de secretário. Até ontem, Manaustrans e SMTU eram comandadas pelo mesmo secretário, Pedro da Costa Carvalho.
Houve também mudanças no comando e na denominação da Sempab, que agora passa a se chamar Secretaria Municipal de Feiras, Mercados, Produção e Abastecimento e será comandada pelo Tenente-Coronel da Polícia Militar Fábio Pacheco da Silva.

Fundações

Das cinco Fundações Municipais, apenas a Fundação de Apoio ao Idoso Dr. Thomaz foi mantida. Foram extintas: Fespm ( Fundação Municipal de Serviço Público Municipal), FMDS (Inclusão Sócio-educaional), ManausCult (Cultura e Artes) e Manaustur (Eventos e Turismo). As duas últimas, fundidas, dão origem à ManausCult (Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos), sob a responsabilidade do secretário Bernardo Monteiro de Paula.
De acordo com Arthur Neto, a economia gerada pela reforma ainda deve ser calculada pela Secretaria Municipal de finanças, mas de acordo com as palavras do prefeito, a quantia chega a “uns bons milhões de reais”.
“De certa forma essa economia já vinha sendo feita. Eu nunca nomeei uma pessoa para Cultura e Turismo, por exemplo. O (secretário) Bernardo Monteiro cuidava das duas. Toda economia é importante”, disse.

Intervenção

Ele explicou ainda que, a partir de agora a prioridade da administração municipal será a preparação para a Copa de 2014, obras de infra-estrutura e o reordenamento do Centro Histórico, citando os secretários Bernardo Monteiro de Paula, Hissa Abrahão e Rafael Assayag. Na ocasião ele anunciou o que chamou de “a maior intervenção que Manaus já teve: o Prourbis. Trata-se de uma Estação de Tratamento de Esgoto, financiada pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento, que vai beneficiar quatro bairros, a começar pelo Jorge Teixeira 3. A extensão dessa ETE poderá beneficiar, até o fim do mandato, todo o Jorge Teixeira e outros bairros. O prefeito adiantou que, já no dia 24 de outubro deve inaugurar casas populares para as pessoas que forem retiradas dos igarapés e que os trabalhos já começaram.
“O Prourbis vai fazer intervenção em quatro bairros, depois em mais quatro. É dinheiro do Banco Interamericano de Desenvolvimento –é um dinheiro muito bom de pagar com longuíssimos prazos e juros bastante convenientes. Vamos trabalhar e fazer cada dólar, transformado em real, aplicado por nós”, anunciou o prefeito

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email