ANP deve divulgar regulamentação sobre mercado em 15 dias

O diretor da ANP (Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis), Haroldo Lima, anunciou na sexta-feira que em 15 dias será publicada a resolução que vai regulamentar o mercado de álcool no Brasil. Com a medida, a ANP terá o controle da produção de álcool, assegurando, assim o abastecimento do combustível em todo o país.
Lima afirmou que a discussão da ANP com os usineiros sobre os contratos de longo prazo para a formação de estoques de álcool já está adiantada e que os primeiros contratos com validade até dois anos devem ser assinados no próximo mês de agosto.

Mistura na gasolina

No mesmo dia, o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, disse que o governo federal poderá reduzir a porcentagem da mistura de álcool na gasolina para garantir o abastecimento de etanol no mercado nacional. Se for adotada, a medida entrará em vigor entre o final de setembro a até no máximo o dia 1º de outubro.
“Estamos estudando isso constantemente e acreditamos que poderá ser feito antes do término da safra. Veja bem, não disse que será, mas que pode ser. Isso pode ser feito se chegarmos à conclusão de que há necessidade para garantir o abastecimento”, assinalou o ministro. De acordo com ele, a oferta do produto cresceu, mas o consumo também está aumentando e a safra pode ter uma pequena quebra.
O governo, informou Lobão, estuda outras medidas para dar segurança ao mercado de consumo de etanol neste ano e em 2012. “Estamos incentivando os produtores e distribuidores a manter estoques por 15 a 30 dias. Ajudaremos financeiramente na preservação dos estoques”, disse.
Lobão informou que o Ministério de Minas e Energia vai recorrer ao BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) para que disponibilize financiamento para formação de estoques de etanol.
Segundo o ministro, a ideia é adotar a mesma estratégia utilizada ao acionar térmicas para poupar os reservatórios de hidrelétricas.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email