Analistas elevam previsão para dólar e inflação

A turbulência internacional alterou as projeções do mercado para a economia brasileira. Em pesquisa do Banco Central, analistas mudaram as apostas e agora esperam dólar e inflação mais altos no final do ano. Apesar do quadro externo conturbado, a expectativa para o ritmo de crescimento da economia continua positiva.
O levantamento do BC colheu a expectativa de cerca de cem analistas na última sexta-feira. A pesquisa apontou que, após três semanas de queda, o mercado elevou a projeção para o dólar no final do ano, de R$ 1,85 para R$ 1,90.
“O número já leva em conta a saída de investidores estrangeiros que deixaram o Brasil nos últimos dias em busca de investimentos mais seguros”, avalia o chefe de pesquisa para América Latina do UBS Wealth Management, Paulo Tenani, ao se referir ao efeito da crise imobiliária dos EUA.
Mesmo com esse movimento, a alta do dólar deve ser temporária -já que a previsão para dezembro é menor que o fechamento visto hoje (R$ 2,029). Outro número alterado diz respeito aos preços. No IPCA (Índice de Preço ao Consumidor Amplo) -usado na meta de inflação-, a expectativa para o ano foi ajustada de 3,75% para 3,77%.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email