Amorim condena invasão e cobra pressa

O ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, disse que o Brasil quer agilidade da OEA (Organização dos Estados Americanos) para solucionar o conflito entre o Equador e a Colômbia. Amorim participou do encontre entre os presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Rafael Correa (Equador), no Palácio do Planalto.
Segundo Amorim, a OEA deve se manifestar sobre o problema. Amo-rim defendeu que o caso seja resolvido por outras instâncias -como o Grupo do Rio, que deve se reu-nir ainda nesta semana na República Dominicana- se a OEA não se manifestar.
O ministro afirmou ainda que o Brasil condena qualquer tipo de violação territorial. “É algo que o Brasil não aceita (invasão territorial)’’, afirmou Amorim. Segundo ele, Lula manifestou solidariedade ao Equador por ter seu território invadido pela Colômbia.
Para Amorim, a solução para a crise diplomática na região passa por garantias de dignidade ao Equador, que se sentiu “ofendido e vulnerável’’ com o ataque colombiano.
Apesar do clima de tensão entre Colômbia e Equador, Amorim disse que o Brasil acredita numa solução negociada para o impasse. “Eu vejo avanços. Verifico que há desejo de se chegar a uma conclusão para o impasse. Há disposição de dialogar’’, afirmou o ministro.
Segundo ele, a própria visita de Correa ao Brasil é um sinal de busca de diálogo para solucionar a crise.
Amorim amenizou as críticas de Correa ao presidente da Colômbia, Álvaro Uribe -Correa disse ontem à noite que as mãos de Uribe estavam “manchadas de sangue’’. A Colômbia, por sua vez, alega possuir ao menos dois documentos com informações “reveladoras’’ que demonstrariam a existência de vínculos entre Equador, Venezuela e as Farc. “É preciso separar um pouco as declarações que expressam sentimentos dos presidentes’’, disse Amorim. Ele afirmou que Lula vem mantendo conversas tanto com Correa quanto com Uribe. De acordo com o ministro, Uribe manifestou o interesse de vir ao Brasil para conversar com Lula sobre o conflito na região. Ainda não há data nem confirmação dessa visita.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email