O ex-governador Amazonino Mendes (Podemos) colocou ontem um ponto final nas especulações em torno de seu estado de saúde. Sua assessoria distribuiu uma foto em que ele aparece lendo a edição do dia do jornal Folha de São Paulo, aparentemente em um bar da capital paulista. De máscara e moletom – faz frio por lá – não foi possível vislumbrar o rosto do veterano político, mas apenas o fato de ter forografado fora do ambiente hospitalar foi suficiente para conter a boataria, que dava conta de uma internação às pressas. Esta parece ser a principal estratégia de seus principais adversários: colocar sempre em dúvida a capacidade dele de tocar a Prefeitura de Manaus, na idade em que está – completará 81 no final do ano. Ele tem reclamado com interlocutores  da constante necessidade de provar que está bem, mas os assessores entendem que não há outro jeito de comprovar a viabilidade de sua candidatura a prefeito.

INCÊNDIO

O Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas já está há mais de 30 horas atendendo ocorrência de incêndio em contêineres no Porto Chibatão, localizado na rua Zebu, no bairro Colônia Oliveira Machado, zona sul de Manaus. Produtos altamente inflamáveis pegaram vogo depois de uma descarga elétrica. Felizmente não há vítimas. 

A PRIMEIRA

Os deputados estaduais Wilker Barreto e Dermilson Chagas, ambos do Podemos, prometem visitar o delegado Guilherme Torres, que comanda a nova Delegacia Especializada ao Combate à Corrupção, criada para investigar crimes e práticas de corrupção contra o patrimônio da Administração Pública estadual e municipal. Querem fazer a primeira denúncia.

SELEÇÃO

O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento, por meio do projeto Força-Tarefa dos Governadores para o Clima e Florestas, está selecionando consultores do Amazonas para o desenvolvimento de Planos de Ação para a Gestão Ambiental e Desenvolvimento de Baixas Emissões de Carbono, no contexto pós-pandemia. Os interessados devem ser pessoa física e podem realizar a inscrição até o dia 28 de agosto.

NÚMEROS

O Pleno do Tribunal de Contas do Amazonas aprovou o envio de uma recomendação ao Governo do Estado para que publique, em caráter oficial, os dados com o número de óbitos no Amazonas em decorrência da Covid-19 no período de 1º a 19 de agosto deste ano. Os conselheiros consideram que há muita confusão em torno dos números.

MULTA

O Pleno do Tribunal de Contas do Amazonas multou o vereador de Atalaia do Norte, Adelson da Silva Saldanha, em aproximadamente R$ 243 mil, entre multa e alcance. Ele foi multado após serem encontradas irregularidades na prestação de contas de 2017, época em que era presidente da Câmara.

INCENTIVO

Quarenta e cinco movelarias de 18 municípios do Amazonas foram credenciadas, neste mês de agosto, para fornecer móveis escolares para o Programa de Regionalização do Mobiliário Escolar, gerenciado pela Agência de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas. Desse total, 38 movelarias são assistidas pelo Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas e receberam apoio no processo de credenciamento.

ALDIR BLANC

A Lei nº 14.017 – conhecida como Lei Aldir Blanc -, que dispõe sobre ações emergenciais destinadas ao setor cultural e vai repassar R$ 3 bilhões para estados e municípios, foi regulamentada pelo presidente Jair Bolsonaro por meio do decreto nº 10.464, publicado no Diário Oficial da União, na última terça-feira (18/08). Para ter direito ao benefício, profissionais da cadeia produtiva da Cultura precisam se inscrever no Cadastro Estadual da Cultura, que já foi lançado pelo Governo do Amazonas e pode ser acessado pelo Portal da Cultura (cultura.am.gov.br)

EXEMPLO

Sete lojas foram notificadas e quase 2 mil itens falsificados apreendidos na Operação “Fraude no Comércio”, desencadeada pela Força-tarefa do Consumidor na manhã de ontem. Os estabelecimentos autuados estão localizados na Galeria Milano, na rua Marechal Deodoro, Centro de Manaus. 

FRASES

“O Tribunal de Contas vem acompanhando as ações de combate e enfrentamento à pandemia do novo coronavírus em nosso Estado e recomendará ao Governo que torne as informações ainda mais claras e transparentes”. Mario de Mello, presidente do Tribunal de Contas do Amazonas.

“Os municípios do interior receberam R$ 4 bilhões este ano, mas aplicam muito mal os recursos”. Serafim Corrêa (PSB), deputado estadual

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email