14 de abril de 2021

Amazonino: “Omar e Braga juntos em 2014”

Na entrevista concedida à Rádio CBN, na sexta-feira (14), o prefeito Amazonino Mendes confirmou o que a Coluna vem dizendo já há algum tempo

Na entrevista concedida à Rádio CBN, na sexta-feira (14), o prefeito Amazonino Mendes confirmou o que a Coluna vem dizendo já há algum tempo. A decantada briga entre o governador Omar (PSD) e o senador Eduardo Braga (PMDB) é apenas uma ficção. Não existe. Para justificar, o prefeito disse que Omar, por não poder se reeleger vai apoiar Braga para o governo. Durante a entrevista, que durou boa parte da manhã, explicou também o entrevero que teve com uma paraense numa área de risco da periferia. “Já passou, continuo tendo uma ótima relação, principalmente, com a cidade de Santarém, onde tenho raízes pessoais”, afirmou.

Alfredo e Braga

Amazonino também falou sobre algumas pessoas. Sobre Alfredo Nascimento, ele falou que o senador mudou muito depois que foi prefeito e passou a ser ministro. Não soube administrar a ascensão meteórica que teve. “Dono de uma vaidade imerecida”, disse. Sobre Eduardo Braga, criticou. “Eu o lancei em um momento em que ele vivia uma situação financeira difícil e se preparava para deixar o país. Ele não administrou, simplesmente emprestou dinheiro e fez obras, foi um imperador e fez o que quis”, sentenciou.

Decepção e gratidão

Ao se referir à presidente Dilma Rousselff, o prefeito disse que se decepcionou. “ Ela não foi correta comigo e nem com a cidade de Manaus, até hoje não recebi a verba da Ponta Negra. Ela está quebrando a Petrobras”. Sobre Gilberto Mestrinho, ele afirmou, emocionado, que ainda não achou palavras para definir o sentimento de gratidão para com o “boto”.

Futuro

Sobre o futuro, Amazonino disse que ao deixar a prefeitura vai sentir um grande vazio, mas que não deixará de orientar os doze prefeitos que ele ajudou a eleger. Isso, não quer dizer que já pensa em 2014. Para ele, Artur vai enfrentar dificuldades, principalmente no trânsito, pelo grande volume de carros. No final, não falou sobre Omar Aziz e alertou que as mudanças na conjuntura nacional devem ter reflexos por aqui. Ainda se declarou para a ex-esposa Tarcila Negreiros. “Espiritualmente, estaremos sempre juntos”.

Remédio

O Radium-223 poderá ser, em breve, a grande novidade no combate ao câncer de próstata. O novo medicamento, fabricado pela gigante farmacêutica alemã Bayer já está sendo analisado pelas agências reguladoras norte-americanas. O mesmo pedido também já foi feito junto à União Europeia.

Aposta

Depois de se definir o presidente da Aleam, começam novas apostas. Uma delas é se o longevo diretor-geral Wander Motta, um especialista em contabilidade e em jogo de cintura, vai continuar no posto. Ele está no cargo há quase duas décadas, tendo passado por quatro diferentes presidentes. Controla a administração da Casa com “um olho no gato e outro no peixe”, sem ensinar o “pulo do gato”.

Prosamim

As obras do Prosamim começam a modificar o hábito dos moradores do São Raimundo. O trânsito de carros está desde a sexta-feira (14) interrompido na orla do rio Negro, no trecho que fica próximo à ponte que liga o bairro à Aparecida. Apesar dos transtornos, muitos moradores elogiaram a medida, pois sabem dos benefícios que o Prosamim deve trazer para o bairro como um todo.

Candidata

A presidente da Amazonastur, Oreni Braga, esteve recentemente em Brasília, acompanhando o deputado Francisco Souza, presidente regional do PSC. Os dois tiveram reunião com a cúpula da legenda, durante a qual ela teria manifestado a intenção de disputar um mandato de deputada federal. Isso, mostraria o distanciamento da dupla em relação ao deputado Silas Câmara, líder do grupo político ligado à igreja.

Mágoas

Souza vem se desentendendo com Silas há algum tempo e não esconde de ninguém que não gostou da articulação feita pelo deputado no início do ano, quando tentou tirá-lo da disputa pela Prefeitura de Iranduba e, não conseguindo o intento, forçou uma decisão do Conselho Político da Igreja, acrescentando um candidato a mais na disputa pela Assembleia Legislativa em 2014. O escolhido para concorrer na companhia do próprio Souza e de Wanderley Dallas (PMDB) foi o vereador Mario Bastos (PRP).
Racha

Se for confirmado, este será o segundo “racha” no grupo político da Assembleia de Deus. O primeiro aconteceu há seis anos, quando o então deputado estadual Miqueias Fernandes rompeu com a cúpula da igreja, comandada por seus cunhados, os irmãos Câmara, e acompanhou um grupo dissidente que formou a Assembleia de Deus Tradicional.

Prédios fantasmas

Leitor da Coluna, indignado com a quantidade de prédios que são desocupados e que se transformam em “casas assombradas”. Vazios, na maioria das vezes, esses imóveis quando não viram depósitos de material usado, ou mesmo lixo, passam a abrigar marginais. Exemplos: prédio da SNPH e da agência Central dos Correios, no Centro, SMTU, em cima da rodoviária, para citar só alguns.

Restauro

Nesse mesmo raciocínio, outros leitores, dizem não entender o abandono do Museu do Porto e as dificuldades de se cumprir prazos na restauração do Mercado Adolpho Lisboa, do Paço Municipal e da Biblioteca Pública do Estado. Isso sem falar nos prédios residenciais de apartamentos, que são invadidos, ou simplesmente, abandonados. Na rua Salvador tem um, na Efigênio Salles, próximo ao Guanabara tem outro. Na Paraíba tem dois, perto da OAB. Na Constantino, na Morada do Sol, na …e por aí vai.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email