10 de abril de 2021

Amazonas quer qualificar 13.500 pessoas até 2013

https://www.jcam.com.br/ppart20072011.jpg
A pouco mais de dois anos e meio para a realização da Copa do Mundo, o Amazonas investe pesado na formação profissional para atender as demandas para a realização do evento

A pouco mais de dois anos e meio para a realização da Copa do Mundo, o Amazonas investe pesado na formação profissional para atender as demandas para a realização do evento. Alheio às divergências quanto à estrutura física do Mundial, os investimentos do Governo do Estado na qualificação profissional chegam a R$ 3 milhões ao ano e até 2013 cerca de 13.500 pessoas vão ser qualificadas para atender a demanda. Um ganho não apenas para o evento, mas para o Estado como um todo que obtém benefícios com o advento da Copa do Mundo.
O coordenador da Unidade Gestora da Copa do Mundo, Miguel Capobiango, explicou que os benefícios que o mundial pode exercer no que diz respeito a geração de emprego e qualificação já podem ser vistos a partir de agora “Você pode ver como os cursos da área de construção civil, aplicados pelo Cetam em parceria com o Sinduscon/AM já estão dando resultados a partir de agora, independentemente da Copa, mas provocado por ela. Com a verticalização da cidade podemos verificar o trabalho de qualificação aplicado nesse setor e é uma iniciativa que vai ficar para sempre”, assinalou.
Capobiango salientou também que, atualmente, a maior demanda em termo de emprego e qualificação está se concentrando nas obras para a Copa, principalmente na Arena da Amazônia.“No último levantamento que fizemos, verificamos que temos 600 trabalhadores envolvidos no processo da construção e que estão recebendo, também qualificação. Esperamos chegar a dezembro com um total de mil trabalhadores, uma vez que agora, com o verão, as construções devem se intensificar”, pontuou.
Mas, as ações não se restringem apenas às iniciativas do Governo do Estado.“Temos iniciativas do Sebrae [Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas] , que está fazendo um ótimo trabalho, da CDL-Manaus [Câmara de Dirigentes Lojistas de Manaus], que também aplica cursos de qualificação para a área de comércio”, listou.

Cetam treina em construção civil, turismo e idiomas

Por conta da Copa, o Cetam (Centro de Educação Tecnológica do Amazonas) está dando prosseguimento ao processo de qualificação profissional em áreas como turismo, línguas, construção civil, educação, saúde e segurança.
O planejamento e a abordagem aplicada pela instituição é pautada por dois critérios: cursos direcionados a ocupações com necessidades imediatas e o tempo de formação. Segundo o diretor de Relações Empresariais e Institucionais do Cetam, Leonardo Bruno Barbosa Monteiro, a análise da realidade do Estado é necessária para elencar os cursos a serem aplicados. “Na construção civil, que precisa de uma formação mais imediata, realizamos a aplicação dos cursos também de forma imediata. Em parceria com o Sinduscon/AM e o Sintracomec, já qualificamos mais de 1.952 profissionais entre pedreiros, eletricistas, ferreiros e armadores. Estamos qualificando mais 488 e, até o final do ano, queremos chegar a meta de 3.000 profissionais qualificados”, explicou.

Programa de voluntariado

No âmbito dos cursos de idiomas, a Copa precisa de um programa de voluntariado, embora pelo critério da Fifa possam ser trazidos às cidades-sedes profissionais de línguas de todas as partes do mundo. “Mesmo assim, o Estado precisa ter programa de voluntariado mais para auxiliar o setor turístico e não apenas voltado para a Copa. Por isso, desde 2007 investimos na formação em línguas do Programa Jovem Cidadão. Já temos formados 8.868 jovens e queremos fechar 2011 com mais de 3.600 formandos”, disse.
Já no segmento do Turismo os cursos têm 800 horas de duração . São cursos de formação técnica como guias, hospedagem, segurança do trabalho. São atividades que requerem uma formação técnica mais específica”, encerrou.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email