Amazonas fortalece intercâmbio com a Coréia

O vice-governador do Amazonas, Omar Aziz, assinou ontem, com o governador do Estado coreano de Gangwondo, Kim Jim Sun, um termo de promoção e fortalecimento do intercâmbio entre as duas regiões.
De acordo com Omar, a parceria vai dinamizar o desenvolvimento tecnológico no Estado e servirá para estreitar ainda mais as relações socioeconômicas entre os vários setores dos dois estados.
“A Coréia do Sul é o quinto país que mais faz investimentos no PIM (Polo Industrial de Manaus). Eles dominam tecnologia de ponta em várias áreas como, por exemplo, biotecnologia e de combustíveis. Para nós este intercâmbio será extremamente benéfico”, destacou o Omar Aziz.
O documento assinado ontem pelos representantes dos dois estados prevê ainda a cooperação para troca de materiais relativos a promoção do comércio exterior e investimentos, bem como o incremento das visitas mútuas entre grupos e delegações de empresas, e estabelece a realização de reuniões anuais para que o intercâmbio entre as regiões seja fortalecido.
“Nós temos muito interesse em estreitar os laços com o Amazonas. Dominamos a tecnologia de combustíveis renováveis e podemos contribuir nas áreas de desenvolvimento sustentável e no setor de combustíveis renováveis”, destacou Kim Jim Sun, durante a solenidade.

Desenvolvimento sustentável

Durante o encontro com Omar, Kim Jim Sun declarou que o desenvolvimento sustentável é importante para seu país, que até criou um centro de pesquisa para a preservação do clima.
Em novembro de 2008 a Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) assinou um acordo de cooperação com a RDA (Agência de Desenvolvimento Rural da Coréia) e estabeleceu como uma das metas a instalação de laboratórios virtuais, que estão em fase de implantação.
A visita do governador da província de Gangwon-do, Kim Jin-sun, é resultado de discussões com a Embaixada da Coréia, em Brasília, para fortalecer parcerias. Em dezembro de 2008 o embaixador Kyu Hyung Cho esteve em Manaus.
No âmbito federal, de acordo com a Suframa (Superintendência da Zona Franca de Manaus), existem conversas no âmbito ministerial para o estabelecimento de uma futura negociação entre o Mercosul (Mercado Comum do Cone Sul) e a Coréia do Sul quanto ao estabelecimento de acordos.

Fornecedor do PIM

A Coréia do Sul é um dos países que mais investem no PIM e ocupa a terceira posição entre seus fornecedores, segundo o Mdic (Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior). O país asiático, no entanto, compra pouco do Amazonas, ficando no 190º lugar da lista de clientes do polo.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email