Amazonas arrecada R$ 3,66 bilhões

A arrecadação tributária estadual, ou seja, os recolhimentos dos impostos estaduais e taxas, alcançou neste primeiro semestre a marca de R$ 3,66 bilhões. O número representa crescimento nominal e real de 10,12% e 3,44%, respectivamente em comparação com o mesmo período de 2012.
A maior parte deste montante foi proveniente do pagamento do ICMS, que nos seis primeiros meses acumulou uma arrecadação de R$ 3,365 bilhões contra R$ 3,065 bilhões acumulados de janeiro a junho de 2012, um aumento de 9,80% e 3,14%, nominal e real respectivamente. A arrecadação positiva, provocou superávit em termo de valores de R$ 300 milhões para o Estado. Dos R$ 3,365 bilhões arrecadados pelo ICMS neste semestre no Estado R$ 1,5 bi vieram do setor industrial, R$ 1,2 bi no comércio e R$ 401,79 milhões em serviços. Apesar do crescimento real positivo na indústria, após descontada a inflação do IPCA, a arrecadação do ICMS neste setor ficou 0,77% negativa.
Mas apesar do número negativo na indústria no semestre, a Diretora de Arrecadação da Sefaz, Karen Monteiro, explica que a arrecadação está dentro da expectativa.
“Apesar da pequena queda na indústria, já que só houve aumento da produção nos meses de maio e junho, os setores de serviço e comércio compensaram esta perda e hoje temos um crescimento de R$ 300 milhões em arrecadação”, explicou. Ela informou ainda que para o segundo semestre a meta da Sefaz é atingir um crescimento nominal de 12% e 5% real.
ICMS-Junho
Na comparação mensal, no mês de junho a arrecadação estadual apresentou uma queda 1,60% em relação a maio, ficando em R$ 648,992 milhões. Já na comparação com junho/12 o saldo ficou 1,56% positivo. Novamente a maior carga ficou por conta do ICMS, foi de R$ 591,98 milhões, resultado 2,89% inferior ao mês passado (R$ 690,57 milhões) e 0,04% superior (R$ 591,71 milhões) a junho/12.

IPVA

O IPVA é o imposto que participa com aproximadamente 3,10% do total das Receitas Tributária. Sua arrecadação em 2013 atingiu R$ 89,70 milhões, resultado nominal e real, respectivamente, de 20,08% e 12,76% acima do valor recolhido ao mesmo período anterior.
Mas apesar do anúncio de renúncia fiscal no IPVA do transporte coletivo feito esse mês pelo governador Omar Aziz, Karen Monteiro explica que os reflexos desta medida só vão refletir na arrecadação global em 2014, já que muitos veículos já pagaram o tributo este ano. Ao todo, o IPVA do transporte coletivo é responsável por R$ 5 milhões/mês.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email