17 de agosto de 2022
Prancheta 2@3x (1)

AM busca parceria com Argentina

Mais de cem empresas argentinas já confirmaram participação na Rodada de Negócios que reunirá representantes do Amazonas e da Argentina

Mais de cem empresas argentinas já confirmaram participação na Rodada de Negócios que reunirá representantes do Amazonas e da Argentina. O evento será realizado no dia 1º de outubro, no Hotel Tropical, Ponta Negra. Para o presidente da Fecomercio-AM, José Roberto Tadros, a iniciativa deve baixar os preços dos produtos importados na Amazônia.
“O objetivo é quebrar a barreira que nos torna dependentes de São Paulo e de toda a região Sudeste para ter acesso à produção argentina”, explica Tadros. Na capital amazonense, já são mais de 20 empresários inscritos para integrarem as negociações.
A representante da Embaixada da República Argentina, Ana Tito, adianta que o segmento de alimentos (como alho e vinhos) é forte candidato a ter representantes locais -além de equipamentos hospitalares e empresas de turismo. “A tendência é que o consumidor possa adquirir nossos produtos em Manaus por preços menores e com mais variedade e facilidade”, destaca.
Durante a Rodada de Negócios, os empresários argentinos poderão apresentar suas empresas para os empresários do Amazonas. “Ainda é cedo para calcular o volume de negócios, mas não há dúvida de que muitos contratos virão”, aposta a conselheira do país vizinho.
Por outro lado, o diretor-administrativo da Fieam (Federação das Indústrias do Estado do Amazonas), Nelson Azevedo, enfatiza o interesse que o PIM (Polo Industrial de Manaus tem em insumos para os setores elétrico e plástico. “As empresas do PIM estão à disposição para negociar bons materiais que agreguem qualidade e bons preços”, diz.
A rodada será comandada pela secretária de Comércio Exterior, Beatriz Paglieri, e o embaixador argentino no Brasil, Luis Laría Kreckler. ACA (Associação Comercial do Amazonas), Cieam (Centro da Indústria do Estado do Amazonas), Fieam (Federação de Indústria do Estado do Amazonas), Faea (Federação de Agricultura e Pecuária do Amazonas) e Sebrae (Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Amazonas) também já confirmaram presença.

Comércio exterior

Tadros destaca que o comércio exterior é focado na troca de produtos entre dois ou mais países. Por isso, avalia como possibilidade de baratear mercadorias a utilização do transporte -em maioria, navios- já utilizado pelas indústrias do Estado para levar produtos da Amazônia. “Assim, tanto o empresário quanto o consumidor saem ganhando. Seria uma receita a menos para contabilizar”, comemora.

Para participar

De acordo com a representante da Embaixada da República Argentina, os empresários amazonenses devem se inscrever para ter acesso à Rodada de Negócios. O telefone para mais informações é 3234-5222, ramais 229 e 231 e o e-mail do evento é [email protected]

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Anúncio

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Siga-nos

Notícias Recentes

JC Play

Podcast

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email