16 de abril de 2021

Alta dos juros deve continuar reduzindo apetite do consumidor, diz Serasa

O Indicador Serasa Experian de Perspectiva do Crédito ao Consumidor cresceu 0,1% em junho, atingindo o patamar de 100,2

O Indicador Serasa Experian de Perspectiva do Crédito ao Consumidor cresceu 0,1% em junho, atingindo o patamar de 100,2. Foi a quarta alta mensal consecutiva após uma sequência de dez quedas mensais ininterruptas, entre abril de 2010 e janeiro de 2011.
Como pela sua metodologia de construção o indicador tem a propriedade de antever os movimentos cíclicos da concessão de crédito com seis meses de antecedência, as recentes oscilações deste indicador ao redor do nível 100, vindo de um patamar anteriormente mais elevado, sinalizam que o atual processo de desaceleração do crédito ao consumidor se encerrará neste ano.
No ententidmento dos eco–nomistas da Serasa, o ciclo de aperto monetário (aumento da taxa Selic) em vigor, ainda que próximo do seu final, continuará impactando o ritmo de expansão do crédito ao consumidor nos próximos meses, completando o seu ciclo de desaceleração. “A partir daí, o ritmo de concessões de crédito às pessoas físicas entrará em rota de expansão mais equilibrada, produzindo impactos neutros do ponto de vista da aceleração do crescimento econômico e da taxa de inflação”, salientaram os especia–listas, em nota à imprensa.

Para as empresas

O Indicador Serasa Experian de Perspectiva do Crédito às Empresas recuou 0,6% em junho de 2011. Segundo a empresa de análise de crédito, esta foi a oitava queda mensal consecutiva, com a pontuação do indicador atingindo o valor de 99,2.
Conforme os especialistas da Serasa, as sucessivas quedas mensais, colocando o indicador abaixo do nível 100, sinalizam que o nível de crédito para as empresas brasileiras deverá experimentar desace–leração de forma mais acentuada ao longo do segundo semestre de 2011.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email