Alta do PIB reflete ganho em produtividade da safra

O presidente da SRB (Sociedade Rural Brasileira), Cesário Ramalho, disse que o crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) da agropecuária reflete somente os ganhos de produtividade da safra 2009/10, porque os preços das principais commodities estão abaixo dos valores registrados no ano passado.
“O Brasil teve a maior safra da história em 2009/10, com 147 milhões de toneladas de grãos, por causa de condições climáticas excepcionais que propiciaram o aumento da produção. O preço mesmo não melhorou”, afirma.
Levantamento divulgado pelo IBGE mostra que o PIB da agropecuária subiu 2,1% no segundo trimestre deste ano ante primeiro trimestre, de acordo com dados divulgados há pouco pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na comparação com segundo trimestre de 2009, o PIB da agropecuária teve avanço de 11,4%.
O IBGE atribuiu parte do crescimento ao aumento de produtividade e desempenho de alguns produtos da lavoura que possuem safra relevante no trimestre, como a soja, o café, o milho e o algodão, com estimativa de aumento de 19,8%, 13,2%, 4,4% e 2,2%, respectivamente. “Veja a soja, por exemplo, que é nosso principal produto agrícola, a safra cresceu, mas o preço caiu. No ano passado, a saca chegou a ser negociada a R$ 44 e neste ano varia de R$ 35 a 38”, compara. “Não se trata de uma mensagem de otimismo para o setor, porque ainda não significa aumento de renda no campo”, afirma. Ele pondera que as cotações estão melhores para a cana e o café, mas a rentabilidade do produtor é “justa”.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email