Abertas inscrições para prêmios no Amazonas

Os prêmios Professor Samuel Benchimol e Banco da Amazônia de Empreendedorismo Consciente, voltados para identificar projetos inovadores e reconhecer personalidades que contribuem para o desenvolvimento da Amazônia, têm inscrições abertas até 28 de agosto para a edição deste ano. A sessão de premiação será realizada no dia 28 de outubro em Belém (PA). No total serão distribuídos R$ 125 mil prêmios -R$ 25 mil para o 1º colocado em cada categoria de projetos.
Em reunião na Fieam (Federação das Indústrias do Estado do Amazonas), a coordenação dos prêmios escolheu o professor José Rincon para curador dos prêmios no biênio 2016/2017 e ainda criou o Conselho de Instituidores, que será integrado por cinco a sete conselheiros corresponsáveis pela outorga anual dos prêmios, sendo formado pelos presidentes ou pessoas indicadas pelo IBICT (Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia), MCTI (Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação), Ação Pró-Amazônia da CNI (Confederação Nacional da Indústria), entidades organizadoras do ano corrente e do ano anterior, um membro da família Benchimol e o curador.
O presidente do grupo Bemol e Fogás, Jaime Benchimol, aprovou a ideia. “Tomamos um passo importante hoje para melhor governança dos prêmios”, disse. O Conselho de Instituidores vai definir todos os aspectos relevantes dos prêmios, como seu regulamento, orçamento, plano de comunicação, cronograma, além de avaliar o que se espera dessas ações e de como podemos projetá-las para o futuro.
“Nosso objetivo é não apenas celebrar o sucesso dos últimos 12 anos, e seus premiados, mas também assegurar a contribuição efetiva dos projetos vencedores para a sociedade como um todo”, disse Benchimol.
De 2004 a 2015 o prêmio Professor Samuel Benchimol já somou 1.987 inscritos, enquanto o prêmio Banco da Amazônia de Empreendedorismo Consciente recebeu 512 inscrições no período de 2009 a 2015.
A solenidade de premiação ocorre anualmente, seguindo rodízio de capitais dos Estados do Norte que sediam a premiação aos que empreendem iniciativas para ampliar a compreensão da Amazônia e desvendar novos caminhos em prol do desenvolvimento sustentável da região.
Belém sediará o prêmio pela 3ª vez (2005, 2012 e 2016). A cerimônia de outorga será coordenada pela Fiepa (Federação das Indústrias do Estado do Pará). O presidente da Fiepa, José Conrado, presente na reunião em Manaus, destacou que os prêmios estimulam os jovens a buscar alternativas para a crise e apresentam ao mundo os diversos potenciais da Amazônia que podem ser desenvolvido de forma consciente, sustentável e econômica.
“Através da outorga dos prêmios podemos mostrar aos jovens que o empreendedorismo de boas práticas é a saída para o Brasil, pois gera emprego e renda para nosso país. E devido à crise, essa é a hora de pensar, criar, inovar e intensificar ainda mais a participação da sociedade e academias nesses prêmios”, disse Conrado.
O curador dos prêmios disse que os projetos são escolhidos de acordo com sua funcionalidade de sustentabilidade para a região, valorizando as iniciativas voltadas às ações econômicas, científicas, tecnológicas, ambientais, sociais e de empreendedorismo para o desenvolvimento sustentável da Amazônia.
As categorias do prêmio Professor Samuel Benchimol são três: Projetos de Natureza Ambiental, Projetos de Natureza Econômico-Tecnológica e Projetos de Natureza Social, além do reconhecimento a personalidades que contribuem para o desenvolvimento da região. O prêmio Banco da Amazônia abrange duas categorias: Economia Criativa e Economia Verde, bem como o reconhecimento da Empresa Amazônia e de um microempreendedor de sucesso, com o prêmio Florescer.
Mais informações sobre os prêmios, categorias, valores das premiações e inscrições podem ser obtidas no site http://www.amazonia.ibict.br/

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email