14 de maio de 2021

Em todos os momentos das vida, em diversas situações da nossa história, sobre todas as circunstâncias precisamos do “fazer”, do realizar, da execução para que haja de fato o resultado esperado. Lembrando que “não fazer”, de alguma forma também é uma ação e da mesma medida gera suas consequências.

A cada novo desafio, somos acometidos pelos medos e inseguranças naturais de quem se lançará ao desconhecido. A cada novo obstáculo, somos tomados pelos pensamentos e sentimentos mais controversos de quem não tem total certeza se ao final tudo dará certo. A cada porta a ser aberta ou fechada, somos impulsionados a agir. A fazer acontecer, a gerar a execução necessária para começar ou terminar algum ciclo. 

A palavra execução no dicionário é ato ou efeito de executar. De passar do projeto ao ato. Realização. 

Quantos projetos são engavetados, guardados, desperdiçados pela ausência de execução. Pela não ação. Pelo não ato. Pela procrastinação. Este artigo é um convite especial para fazer acontecer, para o mova-se.

Perceba que significa passar do projeto ao ato. Quantos belos planos continuam no papel? Quantos processos brilhantemente estabelecidos ficam “presos” no computador? Quantos mirabolantes passos são bem estabelecidos no campo das ideias? Este artigo é um convite carinhoso, para o simplesmente faça, para o vá.

Ainda sobre a palavra execução, ela também é definida como realização. Quantos sonhos estão nas nuvens e não nos pés do realizar? Quantos conhecimentos não saem dos livros e das teorias e não se colocam em prática? Quantos conceitos elaborados que ficam perdidos na não aplicabilidade? Este artigo é um convite imperativo para realizar-se.

Não tem como ignorar o cenário em nossa volta, mas estratégias e disciplina para execução manterão um norte de ação para não afogar-se no que não pode controlar e passar a agir com atitude mental positiva no que é possível ser feito de realização em todas as áreas da vida.

Podemos começar em qual a força a ser gerada para, espiritualmente estar mais forte e mais próximo da sua fé, ao invés de se queixar do porquê. Podemos executar surpresas, mesmo que virtuais, para pais, amigos, conjugue, filhos, ao invés de reclamarmos do isolamento social ou do distanciamento físico. Podemos ler bons livros, assistir filmes inspiradores, fazer um curso on-line, aumentando nossa saúde intelectual enquanto não conseguimos incluir na lista a ida ao cinema, ao teatro ou ao show. Podemos encontrar maneiras de colocar as competências a serviço de um trabalho, mesmo que não esteja empregado e se empregado, repensar o que podemos fazer a mais que não estamos fazendo ou que poderíamos realizar.

Sei que para muitos, a doença física impediria muitos dos itens citados, mas se ainda é possível respirar, e olha que em muitos casos respirar tem sido o principal desafio. Ainda é possível executar uma oração, um louvor e o que mais for possível em um estado de consciência. E se não for, que tenhamos muitos amigos que não parem de nutrir a esperança e o amor por nós, enquanto lutamos pela vida.

Existe ainda muitas pessoas hoje que estão enlutadas, que estão em profundo sofrimento, que não estão conseguindo ver um horizonte ou estão perdidas com o primeiro passo. 

Agradeça o que já conquistou. Agradeça o que perdeu. Agradeça o que ainda tem.

É preciso um coração aberto para entender que no fim das contas, toda grande dor traz muitos aprendizados. Agradecer diante do que não temos controle também nos abre o coração para não sofrer com o que não temos como mudar. Toda saudade vai ficar, mas o sofrimento pode ir embora. A cicatriz será a lembrança de que uma ferida não machuca mais e que não precisará esquecer quem ou o que se foi. Se não conseguir fazer isto sozinho, execute um pedido de ajuda profissional e esta já será uma grande força de ação.

Agradeça por tudo o que gostaria de ter, conquistar, realizar e que por toda ou qualquer circunstância ainda não foi possível ou viável. Esta também será uma atitude de pensamento que reforça o quão compreende seu estado atual, seu estado de evolução e seu caminho. Algumas delas nunca terá e tudo bem, tá tudo certo, porque tudo o que tiver que ser seu, e você esforçar-se para conquistar, será. O que não tem que ser seu, não existirá o esforço necessário. Pense nisto!

Seja muito grato pelo que já possui, mesmo que o tem não seja o que exatamente gostaria de ter, mas de fato é o que você conquistou, o que você precisa e o que você pode ter no momento. Se tudo o que você tem não agrada, agradeça por que tem a oportunidade de olhar para o hoje e estabelecer um caminho de execução que lhe dê forças para mudar e ser diferente amanhã.

Para estas e para tantas outras razões, vou ensaiar dicas para possíveis caminhos de execução:

1 – Tendo ciência de como está hoje. Agradecendo pela compreensão de que diversas circunstâncias o trouxeram até aqui. Estabeleça 1 meta crucialmente importante do qual vale sair da cama todos os dias. Escreva esta meta de modo que entenda exatamente o que vai conquistar ao final de qual dia/mês/ano.

2 – Analise sinceramente quais são seus pontos fortes que contribuem para este resultado e igualmente quais seus pontos fracos que dificultam esta realização. Peça ajuda de pessoas que sejam verdadeiras com você para que a lista consiga ser fiel a realidade.

3 – Para cada ponto fraco estabeleça uma ou várias ações que precisa fazer para eliminar ou diminuir com prazo para cumprir. Para cada ponto forte, estabeleça uma ou várias ações para potencializar com data para fazer. 

4 – Hierarquize as ações por prazo, do mais curto para o mais longo, e cumpra. 

Eu sei que no papel cabe tudo, também sei que na vida real outros obstáculos aparecerão, mas a disciplina da sua execução levará você para outro cenário a cada passo. Se não fizer nada? Prefiro não cogitar esta possibilidade. Eu quero mesmo é ver a força de fazer acontecer para mim e para você.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email