A dor de cabeça de Pauderney

Atende pelo nome de Frank Pinto a principal dor de cabeça do deputado federal licenciado e atual secretário de Educação municipal, Pauderney Avelino (DEM). É que o cidadão se tornou a eminência parda do órgão. Afirma ter “autoridade vinda de cima” para mandar e desmandar na pasta, definindo da compra de material à nomeação de funcionários. Por causa da enorme influência do “estranho”, o parlamentar já ameaçou algumas vezes desligar-se do posto para retomar o mandato, em Brasília. Só não o fez porque, mesmo tolhido, percebe o enorme potencial eleitoral do setor. Ainda assim, a situação é delicada, a ponto de ter gente apostando que ele sai antes do final do ano. Nos bastidores, a turma que chegou com Pauderney coloca a responsabilidade no “controlador oficial” por entraves que ainda atrapalham a educação municipal, como a falta de merenda em algumas escolas e o atraso na entrega do fardamento.

EQUÍVOCO

Diferentemente do que foi publicado na edição de ontem, o total de investimentos nas reuniões do Conselho de Administração da Suframa alcançou US$ 1.083 bilhão no primeiro semestre deste ano, queda de 44,86% em relação ao mesmo período do ano passado, quando os investimentos somaram US$ 1.964 bilhão. Os dados equivocados foram repassados pela assessoria da Suframa e apontavam um total de US$ 1 trilhão em investimentos.

NOVO CALO

Depois de um período de “molho” em função de complicações decorrentes de uma operação bariátrica, o vereador Masami Miki (PSL) saiu da depressão direto para a tribuna da Câmara, adotando novo visual e nova postura. De cabelos pintados de preto e silhueta enxuta, ele tem atraído as atenções pelos discursos inflamados contra a administração do prefeito Arthur Neto. Sobre o atraso na entrega da farda dos alunos da rede municipal, por exemplo, ele disse que se deve à compra fora do Estado, prejudicando as empresas locais.

DE SAÍDA

Masami, entretanto, tem problemas internos a administrar em seu partido. É que o deputado Tony Medeiros anda forçando a barra para deixar a legenda, a fim de ingressar em outra, onde possa apoiar a candidatura indicada pelo governador Omar Aziz à sua sucessão. O vereador, que é o presidente regional da sigla, não anda muito suscetível a facilitar a vida do correligionário. Acho que ele pode ser um trunfo para reforçar suas articulações na coligação que deve seguir Eduardo Braga (PMDB).

RECOLHIDO

Ao contrário do que muita gente esperava, o publicitário Durango Duarte sumiu dos bastidores depois de seu desligamento da função de estrategista do governo. Ele tem evitado até mesmo comparecer às suas empresas. Recolheu-se em casa nos últimos dias. Aos amigos, tem dito que não quer ser acusado de ter traído o antigo cliente. Ainda assim, os comentários de multiplicam.

MULTA

A empresa Red Engenharia ganhou a concorrência para remodelar 13 paradas de ônibus do antigo sistema Expresso, que serão utilizadas pelo Bus Rapid Service nas avenidas Constantino Nery e Torquato Tapajós. O valor total da obra será de R$1.242.852,25 milhão. Isso significa que cada abrigo custará, aproximadamente, R$ 95 mil. Tem vereador da oposição querendo saber por que são mais caras que uma casa do programa “Minha Casa, Minha Vida”.

TÍTULOS

O governador Omar Aziz entrega hoje mais de 3,2 mil títulos definitivos e concessões de uso para moradores de 11 bairros das zonas Oeste e Centro-Oeste de Manaus. Isso significa, na prática, que moradores da Alvorada, Lírio do Vale, Santo Agostinho, Vila Marinho/Compensa, Compensa, Nova Esperança, Dom Pedro/Nova Jerusalém, Jardim Tropical, São Jorge, São Raimundo e Glória entrarão oficialmente no mercado de imóveis, já que só é dono quem registra.

BOIANDO

Começou ontem o pagamento da primeira parcela do décimo terceiro salário para mais de 90 mil servidores públicos do Estado, entre ativos e inativos. Mais de R$ 200 milhões estarão circulando a partir de agora na economia local. Os servidores da saúde, educação, Polícia Militar, aposentados e pensionistas especiais já receberam. Hoje recebem os servidores enquadrados nos demais grupos do calendário de pagamento.

DPVAT

Uma campanha informativa sobre a lei DPVAT (seguro de acidentes de trânsito) será lançada hoje no Instituto Médico Legal, onde será afixada uma placa explicando o funcionamento da lei. A iniciativa é do deputado Marcelo Ramos (PSB), mas foi abraçada também pelo delegado-geral da Policia Civil, Josué Rocha, e pelo presidente do Sindicato dos Corretores, Gilvandro Guedes.

COMO FUNCIONA

O Seguro DPVAT foi criado em 1974 para amparar as vítimas de acidentes envolvendo veículos em todo território nacional. O acesso é simples, bastando preencher um formulário, sem a necessidade de contratar um advogado ou intermediários. Ramos lembrou que existe uma lei de julho de 2012, de sua autoria, que obriga todos os hospitais, ambulatórios e funerárias a fixarem cartazes informando que para ter acesso ao beneficio não é necessário os “atravessadores”.

RECURSOS

Trinta e três processos serão julgados pelo Tribunal de Contas do Estado hoje. Destaque para recursos apresentados pelo secretário de Estado da Cultura, Robério Braga, e pelo secretário Municipal de Limpeza e Serviços Públicos, Paulo Ricardo Farias. O ex-prefeito de Careiro, Joel Lobo, também tenta reverter decisão desfavorável.

ESTREIA

As prestações de contas do ex-secretário-executivo de Saúde, Plínio César Coelho, e da ex-secretária Municipal de Educação, Therezinha Ruiz, serão avaliadas pela Corte. Os ex-prefeitos de Carauari e de Tabatinga, Bruno Litaiff e Joel Lima, respectivamente, também terão suas contas julgadas, conforme a pauta disponibilizada pela Secretaria Geral do Pleno do TCE.

REMÉDIO

Ainda falando de contas, será prorrogado até o dia 29 de agosto deste ano o prazo para que os órgãos de administração pública estadual se adequem ao portal e-Contas, sistema desenvolvido pela Diretoria de Tecnologia da Informação do TCE para o envio de dados mensais, via internet. A prorrogação foi solicitada por gestores do Governo do Estado e deferida pelo Tribunal Pleno. Após a adequação, a meta é que a Prefeitura de Manaus seja integrada ao sistema e, em 2014, passe a encaminhar as documentações eletronicamente.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email