75% das escolas estão dispostas a renegociar valor da mensalidade

As escolas particulares estão fechadas desde março enfrentando a pandemia com grandes preocupações. Isso porque, de acordo com pesquisa realizada pela plataforma Melhor Escola, gestores escolares do Brasil inteiro têm apresentado dificuldades em relação a renegociação da mensalidade.

De acordo com o levantamento, 85% das escolas relatam que os pais já estão pedindo a revisão do valor cobrado das mensalidades e, para diminuir os impactos financeiros nas instituições de ensino, cerca de 76% das escolas se mostraram dispostas a flexibilizar as condições de pagamento.

Os gestores escolares buscam meios de manter o cronograma das aulas para que o serviço não seja caracterizado como não prestado. Dessa forma, é possível evitar questionamentos de pais sobre se devem ou não continuar a pagar a escola.

Ao todo foram analisadas 563 escolas da rede privada de ensino, desde o berçário até o Ensino Médio. Os dados foram coletados por meio de entrevistas com os gestores de escolas, com portes de 2 até 2.200 alunos, durante os dias 6 a 17 de abril de 2020.

Após as primeiras medidas solicitadas pelo governo para a prevenção da pandemia, 93,5% das escolas das escolas entrevistadas cancelaram as atividades presenciais e 6,5% continuam com aulas presenciais. Entretanto, 84,5% das escolas cancelaram as atividades pedagógicas completamente e 15.5% mantiveram as aulas em modalidade EaD.

Etapa Taxa que manteve o calendário escolar
Ensino Infantil 24%
Ensino Fundamental 30%
Ensino Médio 42%

A maioria das escolas afirma que estão com o calendário pedagógico prejudicado, sendo que, 45% anteciparam as férias e 47% irão repor as aulas após a quarentena.

Fonte: Redação

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email