‘Queda de braço’ ganha destaque no plenário

A troca de farpas entre o governador do Estado do Amazonas, Eduardo Braga (PMDB) e o prefeito de Manaus, Serafim Corrêa (PSB).

A troca de farpas entre o governador do Estado do Amazonas, Eduardo Braga (PMDB) e o prefeito de Manaus, Serafim Corrêa (PSB), que foi destaque no noticiário político da cidade durante o final de semana, encontrou ressonância na Câmara Municipal de Manaus e foi o tema principal dos discursos da maioria dos vereadores.
O líder do prefeito, Braz Silva (PSDC), defendeu a mudança de postura adotada por Serafim Corrêa em relação às criticas que vinha recebendo do governador Eduardo Braga. “Finalmente o prefeito resolveu quebrar o silêncio e rebater os constantes ataques dos quais vem sendo vítima. Já estava na hora de mudar de atitude”, disse Braz Silva, afirmando que esse comportamento vinha sendo cobrado pelos aliados de Serafim.
O vereador Jorge Luiz (PRTB) comentou o assunto, lamentando a “queda de braço” entre os dois chefes do Poder Executivo. “Infelizmente, numa briga dessas ninguém sai ganhando. Ao contrário, todos saem perdendo. Perde o povo, a cidade e o Estado. Seria melhor se os dois se esquecessem do processo político que se avizinha e se preocupassem exclusivamente em trabalhar para honrar os mandatos que lhes foram concedidos”, cobrou o vereador. Para Marcelo Ramos, Serafim e Eduardo Braga deveriam fazer uma gincana, promovendo uma disputa benéfica para a população. “Ao final de cada mandato, se verificaria quem fez mais para o povo”, sugeriu o vereador.

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Gostou do Conteúdo? Assine nossa Newsletter

Compartilhe:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Email

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email