Pesquisar
Close this search box.

Indígenas do Alto Rio Negro abrem janelas para seu universo

Compartilhe:​

As obras artísticas dos povos Dessana, Tukano e Baré, da região multicultural do Alto Rio Negro, também estão presentes na 2ª Mostra de Arte Indígena de Manaus, realizada pela Prefeitura de Manaus, no Palácio Rio Branco, na praça Dom Pedro II, centro histórico e que está aberta ao público, gratuitamente, até a próxima segunda-feira (31).

Conheça alguns desses artistas que retratam uma das mais ricas regiões do planeta em diversidade étnica.

Participam da mostra artistas como:

Jaime Diakara (fotos) – O artista visual Jaime Diakara Dessana é mestre em antropologia cultural, especialista em mitologia e cosmologia do povo dessana. Diakara nasceu em uma aldeia de Pari-Cachoeira, no município de São Gabriel da Cachoeira. 

Ivan Tukano – O artista visual Ivan Tukano é estudante de Biologia, e coordenador do Centro de Medicina Indígena Bahserikowi, que atende o público em Manaus, na rua Bernardo Ramos, centro histórico, área considerada sagrada pelos povos indígenas. Ivan conta que nasceu na comunidade São Domingos Sávio, no município de São Gabriel da Cachoeira.

Adriana Baré – Nascida no município de Barcelos, no Alto Rio Negro, Adriana Martins Baré, 30, é filha de pai do povo Miranha e a mãe do povo Baré, que nasceram na comunidade do rio Nexi, no município de Santa Izabel do Rio Negro.

Lílian Araújo

Lílian Araújo

É Jornalista, Artista, Gestora de TI, colunista do JC e editora do Jornal do Commercio

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Notícias Recentes

No data was found
Pesquisar