23 de maio de 2022

Caderno: Negocios

Cartões de crédito e carnês são cada vez mais vilões do endividamento

A proporção de consumidores de Manaus endividados no comércio sofreu refluxo em abril e ainda está abaixo da média nacional, mas seguiu elevada. Cartões de crédito e carnês seguiram como os principais vilões. Ao menos 65,9% das famílias manauenses –ou 425.021 delas –se dizem endividadas. Houve pouca melhora em relação ao mês anterior (66,9% e 430.968), ou mesmo na comparação com 12 meses atrás (66,2% e 420.724). Os dados são da Peic (Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor), da CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo). Já a inadimplência estagnou. O índice de negativados permaneceu empatado

Prefeitura inicia 1º ‘Feirão de Emprego’ no Casarão da Inovação Cassina

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), iniciou, nesta terça-feira, 10/5, a 1ª edição do Feirão de Emprego, promovido pelo Sine Manaus, no Casarão da Inovação Cassina, localizado na rua Bernardo Ramos, Centro, zona Sul da cidade. As atividades iniciaram às 8h, com quase 100 participantes. A expectativa é de que mais de 250 candidatos que passaram previamente por triagem e pré-seleção, por intermédio do Sine Manaus, devam comparecer ao Feirão. O secretário da Semtepi, Radyr Júnior, destacou que essa ação acontece em alusão ao “Mês do Trabalhador”. “É uma oportunidade nova,

Dicas para driblar a inflação e os juros em alta

Há quase 30 anos no mercado Pet, Ana Luiza de Mello Viola diz que a dobradinha inflação e juros, em alta, está tornando “absurdamente difícil” manter a sua loja em Santo Amaro, zona sul da capital paulista. Nos últimos dois anos, os preços de rações subiram até 50% e, de medicamentos, 20%. Faltam vacinas e produtos para animais. As vendas da loja caíram entre 30% e 40% neste ano. Recorrer a bancos foi uma opção para Ana Luiza honrar compromissos com fornecedores e impostos num momento em que clientes mensalistas começam a atrasar os pagamentos.  A dona da Pequenos Grandes

Bitcoin entra em queda e atinge o menor valor desde julho de 2021

O bitcoin é a maior criptomoeda do mercado e, mesmo assim, o ativo está em queda há algumas semanas. Nesta segunda-feira (9), o pior chegou aos investidores, pois o valor de uma unidade do bitcoin atingiu o seu nível mais baixo desde julho de 2021, quando era avaliado abaixo de US$ 33 mil. Até o início da tarde desta segunda-feira (9), a moeda já havia atingido US$ 32.746 — e estava sendo cotada a US$ 32.650 na manhã do mesmo dia. Em relação o fim do último ano, quando o bitcoin estava sendo negociado a US$ 64 mil, a queda representa mais de 50%. O

 Pix bate novo recorde de transações diárias

O Pix acaba de bater um novo recorde de transações diárias. Na última sexta-feira (6), o sistema de pagamentos desenvolvido pelo BC (Banco Central) registrou 73.198.432 transações. Vale recordar que o recorde anterior, de pouco mais de 63,5 milhões de transferências, havia sido registrado há cerca de um mês, no dia 7 de abril de 2022. Os números foram divulgados pelo BC. Meio de pagamento preferido dos brasileiros Em março, o BC informou que o Pix é uma das modalidades de pagamento mais usadas no Brasil. No quarto trimestre de 2021, por exemplo, o sistema foi o mais popular, respondendo

Profissionais em falta no mercado de seguros

O segmento de seguros vem se consolidando cada vez mais. Isso reflete nos estudos que apontam crescimento na demanda. De acordo com a Susep ( Superintendência de Seguros Privados), os segmentos de seguros apresentaram crescimento de 12,8% em 2021, sendo responsáveis pela arrecadação de R$ 267,17 bilhões. No entanto, a qualificação de profissionais habilitados para atender o dinamismo do mercado vai na contramão da robustez dos números.  Pesquisa realizada pela Superintendência,  aponta que os corretores de seguros estão mal distribuídos no Brasil. Os números mostram que em aproximadamente 60% dos municípios brasileiros não há profissionais habilitados para trabalhar no ramo.

 Saldo de “Pessoa Jurídica” no Amazonas está negativo

Em paralelo com as oscilações inerentes a um cenário econômico impactado pela guerra, pandemia e as incertezas em torno da crise do IPI, o saldo de pessoas jurídicas no Amazonas se manteve negativo nos quatro primeiros meses do ano. No total, o Estado somou 2.385 novas empresas, 11,73% a menos do que entre janeiro e abril de 2021 (2.702) –período ainda marcado pela segunda onda de Covid-19. A mesma comparação indicou escalada de 31,05% nas baixas, entre os acumulados de 2021 (905) e de 2022 (1.186).  A quantidade de empresas amazonenses em encerramento de atividades ficou praticamente igual em abril

Mulheres são maioria no universo digital

A Nielsen, juntamente com a Opinion Box, apresentou recentemente um levantamento interessante sobre tendências e comportamentos de consumo –com destaque para as mulheres. A pesquisa fornece insights sobre os hábitos de tendências e comportamento dos brasileiros, em especial o público feminino, o que permite orientar as estratégias das empresas para chamar a atenção das consumidoras. Os resultados do questionário online para 1000 pessoas de todas as regiões do país era composto de 69% mulheres, 24% homens e 7% optaram por não citar seu gênero. “Nossa intenção com essa pesquisa é explorar o universo das mulheres sob diversas óticas, passando por

SUVs e picapes são preferência dos brasileiros, aponta estudo do Mercado Livre

Há algum tempo, os automóveis Hatch e Sedan eram os preferidos e mais visados pelos brasileiros. Hoje, porém, eles perdem cada vez mais espaço para outros tipos de carroceria na preferência dos consumidores por carros 0km. O Mercado Livre, em seu estudo trimestral de veículos, identificou que modelos SUV e picapes foram responsáveis por 56% da procura (acessos a anúncios) por automóveis novos, no primeiro trimestre de 2022. As SUVs destronaram os Hatchs na liderança e foram responsáveis por 33% das visitas em anúncios. Por outro lado, as picapes aparecem na segunda posição, com 23% da procura —apesar de serem