27 de maio de 2022

Caderno: Negocios

https://www.jcam.com.br/PGB2_2305.bmp

Imobiliárias dentro de contêineres

Nova franquia transforma contêineres em imobiliárias prontas para operar Em 2015, uma nova franquia chega para mostrar que crescimento econômico pode caminhar junto à sustentabilidade. A IMOBB oferece para seus franqueados uma imobiliária no modelo turn key –chave na mão -com entrega da unidade pronta e toda a estrutura necessária para operar com sucesso, inclusive uma equipe treinada e selecionada pela franqueadora. O diferencial é que as unidades IMOBB são sustentáveis por serem construídas em containers, em um projeto arquitetônico que os transformam em um escritório completo com duas vagas de estacionamento, fachada, acabamento interno e externo, paisagismo, preparação elétrica

https://www.jcam.com.br/PGB7_1805.bmp

TV do futuro será como um iPad gigante

Em 20 anos, mundo verá uma queda no número de pessoas assistindo ao modelo linear de televisão A televisão do futuro será como uma tela de iPad gigante. A previsão foi feita por Reed Hastings, cofundador e CEO da Netflix, em uma conferência de mídia realizada em Berlim, na Alemanha. Em uma apresentação, Hastings falou sobre como enxerga o futuro da televisão e como a Netflix faz parte disso. Para ele, ao longo dos próximos 20 anos, o mundo verá uma queda no número de pessoas assistindo ao modelo linear de televisão –que é exatamente como a TV é hoje.

https://www.jcam.com.br/PGB3_1305.bmp

Micro tem pior média em 17 anos

Pesquisa constata queda de 18% no faturamento do segmento em fevereiro O faturamento real das MPEs (micros e pequenas empresas) do Estado de São Paulo caiu 18% em fevereiro na comparação com o mesmo mês de 2014, mostra pesquisa do Sebrae-SP divulgada nesta quinta-feira (30). Segundo a entidade, foi a maior queda porcentual para o mês de fevereiro na comparação anual desde 1998, ano em que o levantamento teve início. Em relação a janeiro, as MPEs faturaram 1,3% a menos. Com o resultado de fevereiro, o faturamento dessas empresas acumula queda de 16,5% no primeiro bimestre, na comparação com igual

https://www.jcam.com.br/PGB2_1305.bmp

Aviação Civil no AM vai ficar mais barata

Associação recebeu representantes da Secretaria de Aviação para checar as reais condições dos aeroportos O custo das viagens intermunicipais no Amazonas será significativamente reduzido em um prazo de até oito meses, de acordo com informações da Secretaria de Aviação Civil do Governo Federal, que vai investir aproximadamente R$ 1,7 bilhão em reformas de aeroportos e pistas de 25 municípios do Amazonas. Por meio de uma articulação com a AAM (Associação Amazonense dos Municípios), os representantes da secretaria estiveram em Manaus para checar as reais condições dos aeroportos que precisam ser completamente reformados. Para se ter uma ideia dos valores atuais

https://www.jcam.com.br/PGB1_1305.bmp

Escassez de crédito preocupa empresas

Concessão de crédito caiu 14% e Supermercadistas já preveem menor expansão de lojas médias A forte restrição dos bancos à concessão de crédito tem travado os negócios das empresas em vários setores da economia. Com o caixa debilitado pelo baixo desempenho econômico e sem acesso a linhas de crédito para capital de giro ou investimentos, as companhias começam a enxugar as estruturas, reduzir o quadro de funcionários e adiar pagamentos. Nos três primeiros meses do ano, a concessão de crédito para empresas no país caiu 14% em relação ao quarto trimestre de 2014, de R$ 429,5 bilhões para R$ 407,3

https://www.jcam.com.br/PGB7_1105.bmp

Microsoft briga por espaço no mercado

Ferramentas disponíveis para aplicações em Windows é um dos motes da Microsoft O tempo está correndo para a Microsoft. Se a demora para se adequar às novas tendências foi um dos principais motivos para que Steve Ballmer deixasse o comando da companhia, há pouco mais de um ano, a nomeação de Satya Nadella impôs um novo ritmo, que demonstra o apetite da empresa para retomar seus melhores dias. Há poucos dias, a Microsoft deu mais um exemplo dessa urgência. Em pouco menos de quatro horas, a gigante americana fez uma série de anúncios durante a abertura do Build, seu evento

https://www.jcam.com.br/PGB5_0605.bmp

Crise e corrupção não afastam UE

Brasil ainda é mercado prioritário para investidores da União Europeia O Brasil ainda é um mercado atraente para os investidores europeus, apesar da desaceleração econômica e das denúncias recentes de corrupção no país, diz o presidente da Eurocâmaras, Edoardo Pollastri. “Os investimentos que a UE (União Europeia) realizou no Brasil, até o ano de 2014, somam cerca de 240 bilhões de euros. Isso é o dobro do que o bloco aportou na China em todo o período”, afirma Pollastri, destacando a relevância do Brasil dentre os países emergentes. Apesar da lenta retomada econômica pela qual passa o bloco europeu, as

https://www.jcam.com.br/PGB2_0605.bmp

Recuperação só em 2017

Mercado de escritórios comerciais enfrenta um período de baixa O mercado de escritórios comerciais enfrenta um período de baixa, com previsão de se recuperar apenas entre 2017 e 2018, segundo especialistas do setor. A combinação de altos estoques e baixa demanda tem colocado o setor em perspectiva de retomada em 2017. “O mercado vai piorar muito antes de melhorar”, disse Máximo Lima, sócio-diretor da gestora HSI (Hemisfério Sul Investimentos). De acordo com o diretor de transações da consultoria imobiliária JLL (Jones Lang LaSalle), Roberto Patiño, o momento é de cautela. “Para cada 5 metros quadrados construídos, 1 metro quadrado está

Crise faz o crédito secar para empresas

Bancos frearam a concessão de créditos, o que travou negócios em vários setores A forte restrição dos bancos à concessão de crédito tem travado os negócios das empresas em vários setores da economia. Com o caixa debilitado pelo baixo desempenho econômico e sem acesso a linhas de crédito para capital de giro ou investimentos, as companhias começam a enxugar as estruturas, reduzir o quadro de funcionários e adiar pagamentos. Nos três primeiros meses do ano, a concessão de crédito para empresas no país caiu 14% em relação ao quarto trimestre de 2014, de R$ 429,5 bilhões para R$ 407,3 bilhões,

País regride em avanço do poder de compra

Poder aquisitivo do brasileiro começou a se recuperar em meados da década passada O Brasil voltou a ficar estagnado na sua trajetória rumo ao desenvolvimento econômico, na contramão de um grupo de países emergentes de diferentes regiões que continua avançando para um nível de renda mais elevado, como Chile, Uruguai, Coreia, Taiwan, Polônia e Estônia. O aparente fim do ciclo de alta dos preços das matérias-primas (carro-chefe das exportações brasileiras), aliado à falta de reformas que poderiam aumentar o ritmo de crescimento, dificulta a retomada do desenvolvimento brasileiro. O poder aquisitivo do brasileiro como fatia da renda americana -referência para

https://www.jcam.com.br/PGB7_0405.bmp

Brasil a caminho da economia digital

O Brasil aparece atrás de China e Índia mas à frente de emergentes como Rússia e Indonésia Brasil, China e Indonésia, entre outros emergentes, vão experimentar um processo rápido de transformação digital nos próximos dez anos por conta dos investimentos em TIC (tecnologias de informação e comunicação), do consumo de dados por parte da população e do tamanho da força de trabalho nesta área. Essa é uma das conclusões que aparecem no estudo “Global Conectivity Index 2015”, divulgado na última semana pela fabricante chinesa de equipamentos de rede e telefonia Huawei. No cômputo geral, Estados Unidos, Suécia e Cingapura lideram

https://www.jcam.com.br/PGB3_0405.bmp

Pessoas estão cautelosas com dívidas

As pessoas estão mais cautelosas com seus gastos, e evitam fazer novas dívidas. Essa é a conclusão de pesquisa feita pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito) divulgada ontem, com o perfil dos consumidores inadimplentes no Brasil. “Em comparação com 2011 e 2012 a taxa de inadimplentes caiu em março de 2015, pois o consumidor aprendeu com o excesso de dívidas a ser mais cauteloso quanto seus gastos”, afirmou Fernando Cosenza, diretor de marketing, inovação e sustentabilidade da Boa Vista. Um dos principais assuntos abordados foi o desemprego, que registrou alta no mês passado, e ainda é