9 de agosto de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Caderno: Matéria do JC

Amazonas tem redução em empregos, aponta Novo Caged

A revisão de dados de demissões contabilizadas pelo Novo Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados) no ano passado, fez o Amazonas perder 6,52% do saldo de criação de postos de trabalho com carteira assinada contabilizados no período. Conforme os números revisitados e disponibilizados pelo Ministério do Trabalho nesta quarta (3), o Estado criou 9.540 vagas celetistas. O novo número equivale a um corte de 665 empregos formais da estatística oficial divulgada anteriormente (10.205) – e incremento de 2,46% sobre o exercício anterior. O novo cálculo do Ministério do Trabalho gerou uma baixa ainda maior nos números globais de novos

Amazonas Shopping completará 30 anos

O dia 7 de novembro de 1991 foi um dia de festa e curiosidade, em Manaus. Nessa data a população manauara ganhou seu primeiro grande shopping, no estilo dos belos centros comerciais antes só vistos no cinema e na televisão, o Amazonas Shopping. Foi um marco para a cidade que, na época, já possuía um milhão de habitantes. Uma gigantesca campanha de marketing foi realizada durante toda a construção do empreendimento e quando faltava um mês para ser inaugurado, outdoors, meio de publicidade ainda em evidência, foram espalhados por toda a cidade contando dia a dia a aproximação da data

Pirarucurta reúne talentos do cinema de Manaus

Nunca se produziu tantos filmes em Manaus, como nos últimos tempos, principalmente pela facilidade em se adquirir equipamentos, realizar todo o trabalho de produção (das filmagens à edição), e conseguir ter o resultado final visto no mundo inteiro através das plataformas de streaming. Por isso, eventos como o ‘Pirarucurta – Festival Audiovisual Universitário’, da Faculdade Martha Falcão, volta com força, em sua terceira edição nos dias 25 e 26 de novembro, no campus da instituição. Os números de inscritos nas edições anteriores mostram isso e a expectativa é que mais um recorde de participantes seja batido. “Qualquer estudante universitário, apaixonado

Amazonas destina R$ 11 milhões para obras de vicinais

O governo do Amazonas investe no setor primário. Pelo menos R$ 11 milhões em novos recursos já foram destinados para a recuperação de vicinais, permitindo o escoamento da produção agrícola das zonas rurais do Estado. Em dois anos, já foram recuperados 185 trechos de ramais, estradas e outras vias que dão acesso aos produtores. As informações são do balanço do programa SOS Vicinais que faz parte das estratégias do governo estadual para fortalecer as atividades agrícolas, agregando mais empregos e renda à população dos municípios do interior. Outra meta é permitir que produtos hortifrutigranjeiros e da piscicultura cheguem com maior

Bê-a-bá do empreendedorismo

Empreender é a palavra da moda. Se antes da pandemia muitos empregados já sonhavam em se tornar patrões, as demissões em massa que ocorreram em todo o país como resultado da política do ‘fique em casa’ forçaram essas pessoas a montarem ‘alguma coisa’ para ganhar dinheiro. Quem tiver espírito empreendedor, com certeza vai adiante, e prosperará. Quem não tiver, saiba que o empreender pode ser aprendido. Isso é o que mostra o projeto Escola Criativa, que tem como objetivo estimular o empreendedorismo ainda na raiz, entre alunos do ensino público do Amazonas. “O projeto foi idealizado pelo Tárik Nina, professor

Plataforma desmistifica a dificuldade de lidar com matemática

Quem não gosta de matemática? Com certeza a maioria dos alunos de uma sala de aula vai levantar o braço. Mas o professor de matemática Henrique de Faria assegura que não é bem assim. Junto com o também professor da matéria, Aldo Ferreira, Henrique acabou de lançar a plataforma ‘AH! Matemática’, onde desmistifica a dificuldade de se lidar com números e cálculos. Os dois professores estudaram as metodologias para um ensino de qualidade, qual seria a melhor forma de construir um material interativo para os alunos, além da edição de vídeos e de áudio. A partir disso construíram um jeito

Novas regras do Casa Verde e Amarela animam o mercado

A partir de agora, as famílias que possuem renda bruta de até R$ 7 mil e pretendem adquirir um imóvel, podem aderir ao crédito habitacional do programa Casa Verde e Amarela  que passa a ser financiado com as taxas de juros reduzidas. As novas regras do programa, do governo federal,  que substitui o programa Minha Casa Minha Vida, entraram em vigor na última sexta-feira (28). Além das mudanças anunciadas na redução de juros e o aumento do subsídio nos produtos da faixa econômica, a priorização dos recursos do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), traz melhoria para a

Consumidor de Manaus está com a confiança em queda

A confiança do consumidor de Manaus encolheu pela décima vez consecutiva, na passagem de setembro para outubro. O indicador recuou 0,6% na capital amazonense, em piora menos acentuada do que a anterior (-7,8%). A piora na percepção foi carreada pelas perspectivas profissional e de consumo, com destaque para as compras a prazo. O número local do índice de ICF (Intenção de Consumo das Famílias) seguiu novamente na direção contrária da média nacional, que experimentou estabilização, após quatro meses seguidos de alta.  Com a piora, o ICF de Manaus passou de 30,7 para 30,5 pontos, entre setembro e outubro, e correspondeu

Inadimplência no maior patamar em 15 anos

A crise da Covid-19 fez a inadimplência do comércio e serviços do Amazonas explodir, no ano passado, período em que a taxa disparou de 3,1% para 4,8%, o maior número em 15 anos. Com o refluxo da pandemia, o percentual de dívidas atrasadas no comércio reduziu passo, mas seguiu elevado neste ano (3,9%), e  acima da média histórica (3,2%). A previsão da CDL-Manaus (Câmara dos Dirigentes Lojistas de Manaus) é que o Estado deve contabilizar 405 mil cadastros negativados, já nesta sexta (5), dois dias depois do lançamento da edição deste ano da campanha “Limpe seu crédito, faça seu nome

Livro mostra universo de adolescentes que vivem na periferia de Manaus

Toda mudança assusta, num primeiro momento. Por isso a adolescência é um período complicado para quem a está vivenciando. Muda o corpo (o de criança fica para trás), muda a maneira de pensar e encarar o mundo. O que antes era aceito sem problemas, agora passa a ser motivo de revolta. Dos 10 aos 20 (período da adolescência, segundo a OMS – Organização Mundial de Saúde), todo jovem passa por esse momento. E para as meninas, pelo fato de serem mulheres, pode ser um pouco mais complicado, e mais ainda se moram na periferia. É o que mostra o livro

Pesquisadores do Inpa ganham prêmio internacional

Acabou de sair o resultado da 4ª edição do Prêmio da Rede de SDSN (Soluções para o Desenvolvimento Sustentável da Amazônia) e, competindo com doze outros projetos do Brasil, Venezuela, Peru, Itália e Equador abordando a temática ‘Soluções para uma nova bioeconomia amazônica’, saiu vencedor o projeto ‘Sustentabilidade da cadeia produtiva do peixe com o uso de resíduos para a produção de suplementos funcionais’, dos pesquisadores Francisca das Chagas do Amaral Souza e Jaime Paiva Lopes Aguiar, do Inpa (Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia), integrantes do Grupo Alimentos e Nutrição da Amazônia, da coordenação Sociedade, Ambiente e Saúde. O

Maestro Adelson Santos volta a reger a Orquestra de Violões do Amazonas

‘Um certo tempo depois’ foi uma das músicas de Adelson Santos lançada, em 1980, no seu primeiro LP (Long Play) e bem define seu retorno à regência da Ovam (Orquestra de Violões do Amazonas), no próximo dia 9, terça-feira, no Teatro Amazonas, às 20h, no evento ‘Homenagem ao maestro Adelson Santos’, 21 anos depois. “Suspense total. Não sei o que dizer. 21 anos não são 21 dias, é óbvio. Embora o tempo do mundo tenha girado 21 vezes, eu me sinto estranho nisso tudo. Acho que plantei uma semente, mas sinto que não completei a obra. Estava só começando quando