9 de agosto de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Caderno: Matéria do JC

Feira de Livros do Sesc traz a tradição na literatura amazonense

Atenção, amantes da literatura. Anote na sua agenda: dia 11, quinta-feira, a partir das 8h30, começa a 36ª edição da Feira de Livros do Sesc, no Centro de Convenções Vasco Vasques. O Centro de Convenções ficará aberto até às 21h recebendo o público e a Feira segue até domingo, 14. Quatro dias de total imersão entre livros de autores locais, nacionais e internacionais mostrando que ler um bom livro físico ainda é um dos prazeres da vida. ‘O infinito de um instante’ é o tema da Feira, que nesta edição homenageia o poeta amazonense Ernesto Penafort. “A Feira de Livros

Grupo Chibatão investe em logística

Pensar em logística avançada, segura e eficaz é hoje um grande diferencial no mercado, algo que pode alavancar negócios, gerar empregos e renda, promovendo o desenvolvimento regional. E essa tem sido a dinâmica do Grupo Chibatão ao longo de pelo menos 30 anos de atuação no Amazonas. O Chibatão faz história e alcança o seu protagonismo no mercado. Por décadas, a empresa vem ajudando a desenvolver um Estado que concentra a sua principal receita nas atividades das empresas instaladas na ZFM (Zona Franca de Manaus). O porto é sinônimo de eficiência operacional, de avanço tecnológico, para onde converge a maior

Início das operações aeroportuárias está prevista para janeiro de 2022

Indicado na lista de terminais aeroportuários para concessão à iniciativa privada, o Aeroporto Internacional Eduardo Gomes, em Manaus, deverá contar a partir de janeiro de 2022 com a nova administração, a informação é confirmada pela empresa francesa Vinci Airports, que ganhou a concessão do bloco I sobre os sete aeroportos na região Norte – Manaus, Porto Velho (RO), Rio Branco (AC), Boa Vista (RR), Cruzeiro do Sul (AC), Tabatinga (AM) e Tefé (AM), por 30 anos.  Pensando nas futuras mudanças, alguns representantes do setor produtivo comentaram sobre as expectativas em torno do modelo ideal para o desenvolvimento logístico e econômico

Comércio exterior do Amazonas volta a crescer em outubro

A corrente de comércio exterior do Amazonas voltou a crescer, entre setembro e outubro, após a desaceleração anterior. Em sintonia com a aproximação do Natal e o período do boom sazonal da indústria, o incremento acabou sendo carreado apenas pelas importações, que são majoritárias na balança comercial amazonense. As exportações, entretanto, sofreram tombos mensal e anual, em que pese a liderança de concentrados para refrigerantes e motocicletas na pauta. É o que mostram os dados do governo federal, disponibilizados pelo portal Comex Stat, nesta sexta (5). As vendas externas do Estado totalizaram US$ 79.61 milhões e foram 0,81% mais fracas

Dívida de consumidores do Amazonas recua em setembro

O número de consumidores do Amazonas com alguma conta em atraso ficou praticamente estável (+0,05%) entre agosto (1.436.647) e setembro (1.437.361), embora tenha encolhido 1,25% em relação ao patamar registrado 12 meses antes (1.455.571). A quantidade total de dívidas no Estado apresentou desempenho melhor e caiu 0,29% entre um mês (5.417.355) e outro (5.401.485), além de retroceder 2,62% ante setembro de 2020 (5.546.892). Os dados foram fornecidos pela assessoria da Serasa Experian à reportagem do Jornal do Commercio. O valor global dos débitos dos amazonenses nessa situação seguiu o mesmo ritmo e totalizou R$ 5,137 bilhões, 0,10% a menos do

Metro quadrado dos imóveis de Manaus sobe em outubro

O metro quadrado dos imóveis de Manaus emendou uma sétima rodada mensal consecutiva de elevação nos preços médios, na passagem setembro para outubro. E voltou a acelerar. A variação foi positiva em 1,13%, elevando o valor de R$ 5.517 para R$ 5.579. Foi um movimento mais acentuado do que o do mês anterior (+0,48%), e novamente bem acima da média brasileira (+0,43%). Os dados são do Índice FipeZap, estudo mensal da Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) que acompanha as flutuações do mercado imobiliário de 50 cidades brasileiras, e que foi divulgado nesta quinta (4).   Na média nacional, o Índice

“koutakusei contribuíram para a região” diz Masahiro Ogino

Na quinta-feira, 04, aconteceu uma sessão especial na Assembleia Legislativa do Estado, com a presença do cônsul-geral do Japão, Masahiro Ogino, para comemorar os 90 anos da imigração dos koutakusei para o Amazonas. A partir dessa imigração, outros japoneses vieram para a região e desde então, graças ao seu trabalho, tem contribuído grandemente para o crescimento da economia da Amazônia, em especial do Amazonas. Nessa entrevista ao Jornal do Commercio, o cônsul-geral falou um pouco mais sobre a relação do país do Sol nascente com a terra das matas e dos rios.    Quem foram os koutakuseis e por que o

Venda de veículos no Amazonas segue derrapando

As vendas de veículos automotores do Amazonas voltaram a derrapar, entre setembro e outubro, eliminando os ganhos do mês anterior. O volume comercializado caiu nas variações mensal e anual, de forma mais intensa do que na média nacional, impactado pela crise de abastecimento e as altas dos juros e do IOF. No total, foram comercializadas 4.409 unidades no Estado, 14,85% a menos do que em setembro de 2021 (5.178) e 18,28% abaixo do dado de outubro de 2020 (5.395). Em dez meses, as vendas ainda seguem positivas em 6,60%, com 42.774 (2021) contra 40.126 (2020).  Os dados regionais referentes ao

Vendas de veículos seminovos e usados retrocedem em outubro

As vendas de veículos  seminovos e usados no Amazonas apresentaram queda de 20,8% em outubro em comparação a setembro, que apresentou retração de 14,6%. Com o resultado, o segmento  no Estado apresenta variação negativa pelo segundo mês consecutivo. Os números são da Fenauto (Federação Nacional das Associações dos Revendedores de Veículos Automotores), que divulgou seu relatório mensal sobre a movimentação das vendas de carros seminovos e usados. Apesar da queda, e mesmo sofrendo pesadamente com a pandemia, tanto em 2020, como em 2021, o Estado do Amazonas ainda apresenta um acumulado nas vendas de 3,6%, o que demonstra a resiliência

Coca-Cola lança novas garrafas retornáveis

Em evento para a imprensa, realizado na manhã de ontem, na Chácara Beija-Flor, em Flores, a Coca-Cola e o Grupo Simões lançaram a garrafa pet retornável de 1 litro, um passo a mais que a empresa está dando visando ganhos para o meio ambiente e para o bolso do consumidor. Em outubro de 2019 a Coca-Cola já havia promovido um evento similar para o lançamento das garrafas pet retornáveis de 2 litros. Naquela ocasião foi informado que 20% das garrafas eram retornáveis e que a meta era atingir os 100% até 2030. A meta continua a mesma e, de acordo

Mortalidade de empresas no Amazonas cresce em outubro

O Amazonas registrou refluxo significativo na mortalidade de empresas, entre setembro e outubro. O ritmo de constituições de pessoas jurídicas, contudo, voltou a tropeçar e a queda mais intensa. Os números do acumulado mantiveram saldo positivo para as aberturas, mas o crescimento foi maior para os encerramentos, enquanto a rotatividade nos registros de MEIs voltou a acelerar. Os dados estão no mais recente relatório do SRM (Sistema Mercantil de Registro) – vinculado ao Ministério da Economia –, divulgados pela Jucea (Junta Comercial do Estado do Amazonas), nesta quarta (3). O Estado registrou o encerramento das atividades de 222 pessoas jurídicas,

Mercado de semijoias tem destaque em retomada

O mercado de semijoias pós-pandemia vem demonstrando crescimento. Empresários do segmento destacam ainda que durante a pandemia o setor apresentou aumento significativo. Quando avaliado, o setor de semijoias, acessórios e bijuterias, a estimativa é de um faturamento anual de R$ 700 milhões, ou seja, é um mercado em ascensão, produtivo e com alta rentabilidade, visto que a mulher da América Latina é a que mais consome semijoias no mundo. De acordo com Dino, divulgador de notícias corporativas, Vanessa Prado, empreendedora do mercado de semijoias há mais de 20 anos, ela constata que na pandemia reinventar o modelo de negócio foi